Archive for the ‘São Paulo FPF’ Category

Copa São Paulo de Juniors

.:: Copa São Paulo de Juniors ::.

Trofeu de 2012
A Copa São Paulo de Futebol Júnior ou Copinha é o principal torneio da categoria sub-19 no Brasil. É organizada pela Federação Paulista de Futebol (FPF) e inclui clubes não só de São Paulo, mas de todo o Brasil e, eventualmente, clubes de outros países.
HISTÓRIA: Originalmente a competição era chamada de Taça São Paulo de Juniores e era organizada pela Prefeitura de São Paulo, e não pela FPF. Em 1987, o então prefeito Jânio Quadros decidiu não arcar com a Taça São Paulo, que não foi realizada naquele ano.
Disputada desde 1969, acontece sempre no início do ano (em algumas edições, o torneio foi realizado em dezembro do ano anterior), de modo que a final seja disputada, preferencialmente, no aniversário da cidade de São Paulo (25 de janeiro). As duas primeiras edições foram disputadas apenas por clubes do estado de São Paulo, mas, a partir de 1971, a competição passou a receber clubes de todo o Brasil. Desde então, a Copinha, apelido dado a competição, é um torneio muito observado por imprensa, torcida, empresários e clubes, uma vez que é considerada a principal oportunidade para se descobrir futuros craques do futebol brasileiro.
MUDANÇA: Com a criação do Campeonato Brasileiro de Futebol Sub-20, a partir de 2006, a Copa São Paulo de Futebol Júnior começa a dividir espaço com a nova competição, que é disputada somente por clubes pertencentes a série A do Campeonato Brasileiro. Devido a isso, a partir de sua 41ª edição em 2010, a Federação Paulista de Futebol (FPF), que organiza a competição, regulamenta a competição admitindo times formados por atletas pertencentes à categoria sub-19 e passa a chamá-la de Copa São Paulo de Futebol Sub-19. Ainda que não exista a alteração do nome da competição no site da FPF, esta passa a publicar a competição pela nova nomenclatura, sendo divulgada assim pelos meios de comunicação que fazem sua cobertura, inclusive as transmissões televisivas de tv aberta e fechada. Fonte: http://www.wikipedia.org/ 😉

.:: Os Campeões ::.
Copa São Paulo de Futebol Júnior peça FPF
Ano Campeão Vice NºP
2012 • Sport Club Corinthians Paulista (SP) • Fluminense Football Club (RJ) 96
2011 • Clube de Regatas do Flamengo (RJ) • Esporte Clube Bahia (BA) 92
2010 • São Paulo Futebol Clube (SP) • Santos Futebol Clube (SP) 92
2009 • Sport Club Corinthians Paulista (SP) • Clube Atlético Paranaense (PR) 88
2008 • Figueirense Futebol Clube (SC) • Rio Branco Esporte Clube (SP) 88
2007 • Cruzeiro Esporte Clube (MG) • São Paulo Futebol Clube (SP) 88
2006 • América Futebol Clube (SP) • Comercial Futebol Clube (SP) 88
2005 • Sport Club Corinthians Paulista (SP) • Nacional Atlético Clube (SP) 88
2004 • Sport Club Corinthians Paulista (SP) • São Paulo Futebol Clube (SP) 80
2003 • Esporte Clube Santo André (SP) • Sociedade Esportiva Palmeiras (SP) 64
2002 • Associação Portuguesa de Desportos (SP) • Cruzeiro Esporte Clube (MG) 64
2001 • Roma Barueri (SP) • São Paulo Futebol Clube (SP)
2000 • São Paulo Futebol Clube (SP) • Clube Atlético Juventus (SP)
1999 • Sport Club Corinthians Paulista (SP) • Club de Regatas Vasco da Gama (RJ)
1998 • Sport Club Internacional (RS) • Associação Atlética Ponte Preta (SP)
1997 • Lousano Paulista (SP) • Sport Club Corinthians Paulista (SP)
1996 • América Futebol Clube (MG) • Cruzeiro Esporte Clube (MG)
1995 • Sport Club Corinthians Paulista (SP) • Associação Atlética Ponte Preta (SP)
1994 • Guarani Futebol Clube (SP) • São Paulo Futebol Clube (SP)
1993 • São Paulo Futebol Clube (SP) • Sport Club Corinthians Paulista (SP)
1992 • Club de Regatas Vasco da Gama (RJ) • São Paulo Futebol Clube (SP)
1991 • Associação Portuguesa de Desportos (SP) • Grêmio Foot-Ball Porto Alegrense (RS)
1990 • Clube de Regatas do Flamengo (RJ) • Clube Atlético Juventus (SP)
1989 • Fluminense Football Club (RJ) • Clube Atlético Juventus (SP)
1988 • Nacional Atlético Clube (SP) • América Futebol Clube (SP)
Prefeitura Municipal de São Paulo
Ano Campeão Vice NºP
1987 • Não Houve • Não Houve NH
1986 • Fluminense Football Club (RJ) • Associação Atlética Ponte Preta (SP)
1985 • Clube Atlético Juventus (SP) • Guarani Futebol Clube (SP)
1984 • Santos Futebol Clube (SP) • Sport Club Corinthians Paulista (SP)
1983 • Clube Atlético Mineiro (MG) • Botafogo Futebol Clube (SP)
1982 • Associação Atlética Ponte Preta (SP) • Santos Futebol Clube (SP)
1981 • Associação Atlética Ponte Preta (SP) • São Paulo Futebol Clube (SP)
1980 • Sport Club Internacional (RS) • Clube Atlético Mineiro (MG)
1979 • Marília Atlético Clube (SP) • Fluminense Football Club (RJ)
1978 • Sport Club Internacional (RS) • Sport Club Corinthians Paulista (SP)
1977 • Fluminense Football Club (RJ) • Associação Atlética Ponte Preta (SP)
1976 • Clube Atlético Mineiro (MG) • Sport Club Corinthians Paulista (SP)
1975 • Clube Atlético Mineiro (MG) • Sport Club Corinthians Paulista (SP)
1974 • Sport Club Internacional (RS) • Associação Atlética Ponte Preta (SP)
1973 • Fluminense Football Club (RJ) • Sport Club Corinthians Paulista (SP)
1972 • Nacional Atlético Clube (SP) • Sport Club Internacional (RS)
1971 • Fluminense Football Club (RJ) • Botafogo de Futebol e Regatas (RJ)
1970 • Sport Club Corinthians Paulista (SP) • Sociedade Esportiva Palmeiras (SP)
1969 • Sport Club Corinthians Paulista (SP) • Nacional Atlético Clube (SP)
# O Lousano Paulista atualmente chama-se Paulista Futebol Clube.
# O Roma Barueri atualmente chama-se Grêmio Recreativo Barueri.
# Em 1987, a competição não foi realizada porque o então prefeito Jânio Quadros decidiu não arcar com as despezas da Taça São Paulo de Futebol Juniores.
# As duas primeiras edições (1969 e 1970) foram disputadas apenas por clubes do estado de São Paulo, mas, a partir de 1971, a competição passou a receber clubes de todo o Brasil.
# Entre 1993 e 1997, a FPF convidou equipes estrangeiras para participarem da disputa: Boca Juniors (Argentina), Peñarol (Uruguai), Cerro Porteño (Paraguai), Nagoya Grampus Eight e Yomiuri Verdy (ambos do Japão), além das seleções sub-20 do Japão e da China. Os primeiros clubes estrangeiros a participarem da competição foram o Providencia do México em 1980, o Vélez Sársfield da Argentina em 1981 e 1982 e o Bayern de Munique da Alemanha em 1985. Como todas elas caíram na primeira fase, a organização da Copinha abandonou a ideia, mas, em 2010, uma equipe estrangeira foi novamente convidada para a disputa: o Al-Hilal, da Arábia Saudita.

.:: Principais Campeões ::.
Os Principais Campeões por Clubes
Time Cidade Estado Taças Vices
• Sport Club Corinthians Paulista • São Paulo • São Paulo 8 7
• Fluminense Football Club • Rio de Janeiro • Rio de Janeiro 5 2
• Sport Club Internacional • Porto Alegre • Rio Grande do Sul 4 1
• São Paulo Futebol Clube • São Paulo • São Paulo 3 6
• Clube Atlético Mineiro • Belo Horizonte • Minas Gerais 3 1
• Associação Portuguesa de Desportos • São Paulo • São Paulo 2
• Clube de Regatas do Flamengo • Rio de Janero • Rio de Janero 2
• Nacional Atlético Clube • São Paulo • São Paulo 2 2
• Associação Atlética Ponte Preta • Campinas • São Paulo 2 5
• Marília Atlético Clube • Marília • São Paulo 1
• Roma Barueri • Barueri • São Paulo 1
• Esporte Clube Santo André • Santo André • São Paulo 1
• Figueirense Futebol Clube • Florianópolis • Santa Catarina 1
• América Futebol Clube • Belo Horizonte • Minas Gerais 1
• Louzano Paulista • Jundiaí • São Paulo 1
• Club de Regatas Vasco da Gama • Rio de Janeiro • Rio de Janeiro 1 1
• Guarani Futebol Clube • Campinas • São Paulo 1 1
• América Futebol Clube • São José do Rio Preto • São Paulo 1 1
• Santos Futebol Clube • Santos • São Paulo 1 2
• Cruzeiro Esporte Clube • Belo Horizonte • Minas Gerais 1 2
• Clube Atlético Juventus • São Paulo • São Paulo 1 3
# O Lousano Paulista atualmente chama-se Paulista Futebol Clube.
# O Roma Barueri atualmente chama-se Grêmio Recreativo Barueri.

😉

.:: Artilheiros ::.
Os Principais Artilheiros da Taça Brasil
Ano Atleta Time Gols
2012 • Wanderson Ferreira de Oliveira “Valdivia • Rondonópolis EC (MT) 8
2011 • Guilherme Augusto Alves Dellatorre • Desportivo Brasil P. LTDA (SP) 7
2010 Lucas de Souza Gonçalves “Gaúcho • São Paulo FC (SP) 9
2009 Bernardo Vieira de Souza • Cruzeiro EC (MG) 9
2008 • Clecildo Rafael Martins de Souza • Grêmio FBPA (RS) 8
Tiago Luis Martins • Santos FC (SP) 8
• Vinicius Ramos da Silva • Taboão da Serra (SP) 8
2007 • Rafinha • São Bernardo FC (MG) 9
2006 • Luiz Henrique • Paulista de Jundiaí (SP) 9
2005 • Borebi • Noroeste (SP) 8
2004 • Rodriho Tiuí • Fluminense FC (RJ) 7
• Willian • SE Palmeiras (SP) 7
2003 • Waldson • Inter de Limeira (SP) 6
• Leandro Domingues • Vitória (BA) 6
.:: Finais ::.
Todas as Finais da Copa São Paulo de Juniors
Ano Data Estádio Campeão Placar Vice
2012 25/01/2012 Pacaembu Corinthians/SP 2 x 1 Fluminense/RJ
2011 25/01/2011 Pacaembu Flamengo/RJ 2 x 1 Bahia
2010 25/01/2010 Pacaembu São Paulo/SP 1 x 1 Santos/SP
2009 25/01/2009 Pacaembu Corinthians/SP 2 x 1 Atlético/PR
2008 25/01/2008 Nicolau Alayon Figueirense/SC 2 x 0 Rio Branco/SP
2007 25/01/2007 Pacaembu Cruzeiro/MG 1 x 1 São Paulo/SP
2006 25/01/2006 Pacaembu América/SP 1 x 1 Comercial/SP
2005 25/01/2005 Pacaembu Corinthians/SP 3 x 1 Nacional/SP
2004 25/01/2004 Pacaembu Corinthians/SP 2 x 0 São Paulo/SP
2003 25/01/2003 Pacaembu Santo André/SP 2 x 2 Palmeiras/SP
# em 2010 o São Paulo venceu o Santos nas penalidades por 3 x 0;
# em 2007 o Cruzeiro-MG venceu o São Paulo nas penalidades por 6 x 5;
# em 2006 o Anérica-SP venceu o Comercial-SP nas penalidades por 3 x 1;
# em 2003 o Santo André venceu o Palmeiras nas penalidades por 5 x 3;
Anúncios

Taça dos Campeões Estaduais

.:: Taça dos Campeões ::.

A Taça dos Campeões Estaduais Rio-São Paulo ou Copa dos Campeões Estaduais de São Paulo e do Rio de Janeiro foi uma competição de futebol que envolvia os campeões estaduais do Rio de Janeiro e de São Paulo.
A competição era muito valorizada no começo do século, considerada um “tira-teima” entre os campeões dos dois maiores centros de futebol do Brasil – as principais equipes do futebol brasileiro, à época, estavam restritas ao eixo Rio-São Paulo. Com a criação do Torneio Rio-São Paulo a disputa perdeu boa parte do seu prestígio. A disputa dos campeões era decidida geralmente em uma disputa simples em apenas um jogo, ou em melhor de dois jogos ou três pontos. Quase sempre valia uma taça, oferecida pelas federações estaduais, pelos clubes, ou mesmo importantes personalidades e empresas da época. Na foto, o Troféu Salutaris, oferecido por uma empresa de água mineral da época.
A competição valia sempre pelo ano em que seus participantes foram campeões estaduais, mesmo que fosse disputada no ano seguinte. A primeira taça disputada foi a Taça Salutaris, disputada entre os campeões paulista e carioca de 1910. Em algumas oportunidades, os participantes ainda não eram campeões matematicamente, mas adiantaram a disputa e confirmaram seus títulos estaduais em seguida.. Fonte: http://www.wikipedia.org/ 🙂

Os Campeões
Taça dos Campeões Estaduais Rio-São Paulo
Ano Campeão Jogo 1 Jogo 2 Jogo 3 Vice-Campeão
1911 AA das Palmeiras (SP) 4 x 2 2 x 0 NH Botafogo FC (RJ)
1913 SC Americano (SP) 3 x 0 NH NH Botafogo FC (RJ)
1915 AA São Bento (SP) 1 x 0 NH NH CR Flamengo (RJ)
1917 América FC (RJ) w x o NH NH CA Paulistano (SP)
1918 CA Paulistano (SP) 3 x 2 NH NH Fluminense FC (RJ)
1919 Fluminense FC (RJ) w x o NH NH CA Paulistano (SP)
1921 CA Paulistano (SP) 4 x 1 NH NH Fluminense FC (RJ)
1926 SS Palestra Itália (SP) 3 x 0 NH NH São Cristóvão FR (RJ)
1929 SC Corinthians Pta (SP) 4 x 2 3 x 2 NH CR Vasco da Gama (RJ)
1930 SC Corinthians Pta (SP) 4 x 2 2 x 3 NH CR Vasco da Gana (RI)
1931 Botafogo FC (RJ) 0 x 2 7 x 1 NH SC Corinthians Pta (SP)
1934 SS Palestra Itália (SP) 1 x 1 NH NH CR Vasco da Gama (RJ)
1935 Botafogo FC (RJ) 9 x 2 1 x 2 2 x 2 Santos FC (SP)
1937 CR Vasco da Gama (RJ) 0 x 0 3 x 1 NH SS Palestra Itália (SP)
1941 SC Corinthians Pta (SP) 5 x 2 NH NH Fluminense FC (RJ)
1942 SE Palmeiras (SP) 3 x 0 NH NH CR Flamengo (RJ)
1943 São Paulo FC (SP) 3 x 0 NH NH CR Flamengo (RJ)
1945 São Paulo FC (SP) 2 x 1 NH NH CR Vasco da Gama (RJ)
1946 São Paulo FC (SP) 3 x 1 NH NH Fluminense FC (RJ)
1948 SE Palmeiras (SP) 2 x 1 1 x 3 2 x 1 CR Vasco da Gama (RJ)
1954 São Paulo FC (SP) 3 x 1 NH NH CR Flamengo (RJ)
1956 CR Flamengo (RJ) 2 x 1 NH NH Santos FC (SP)
1957 Santos FC (SP) 4 x 2 NH NH CR Vasco da Gama (RJ)
1958 São Paulo FC (SP) 5 x 2 NH NH Botafogo FR (RJ)
1961 Botafogo FR (RJ) 3 x 0 NH NH Santos FC (SP)
1975 São Paulo FC (SP) 1 x 0 NH NH Fluminense FC (RJ)
1980 São Paulo FC (SP) 2 x 1 NH NH Fluminense FC (RJ)
1985 São Paulo FC (SP) 2 x 2 2 x 0 NH Fluminense FC (RJ)
1986 AA Inter de Limeira (SP) 3 x 0 NH NH CR Flamengo (RJ)
1987 São Paulo FC (SP) 2 x 1 NH NH CR Vasco da Gama (RJ)
# Em 1911 o torneio levou o nome de Taça Salutaris;
# Em 1917, 1918 e 1919 o torneio levou o nome de Taça Ioduran;
# Em 1912 e 1916 as disputas foram canceladas;
# Em 1921, 1922, 1925 e 1926 as disputas não foram marcadas;
# Em 1913 o Paulistano/SP venceu o América/RJ por 3-2, mas não houve a 2ª partida;
# Em 1922 Corinthians e América jogaram duas partidas (2-0 e 2-4) cada um venceu uma partida e o título ficou indefinido;
# Em 1928 Corinthians e América empataram em 2-2 e não marcaram uma partida extra;
# Os títulos estão colocados como sendo referentes ao ano em que os clubes foram campeões nos seus estados, mas alguns clubes consideram o ano do título como sendo o ano em que foi decidido.
# O título de 1929 rendeu ao Corinthians o apelido de “Campeão dos Campeões”, que carrega até hoje.
# Em 1956, os times cariocas desistiram da competição alegando incompatibilidade do calendário de jogos, título foi disputado entre Santos (campeão paulista de 1956) e São Paulo (vice-campeão paulista de 1956), em dois jogos válidos pelo campeonato paulista de 1957; tornando o São Paulo campeão da “Taça” daquele ano de 1956.
# A Societá Sportiva Palestra Itália é a atual Sociedade Esportiva Palmeiras.
# O Botafogo Football Club é o atual Botafogo de Futebol e Regatas.
# Fonte: http://www.rsssfbrasil.com/

😉

.:: Principais Campeões ::.
Os Principais Campeões por Clubes
Time Cidade Estado Taças Vices
• São Paulo Futebol Clube • São Paulo • São Paulo 9 0
• Sociedade Esportiva Palmeiras • São Paulo • São Paulo 4 1
• Botafogo de Futebol e Regatas • Rio de Janeiro • Rio de Janeiro 3 3
• Sport Club Corinthians Paulista • São Paulo • São Paulo 3 1
• Clube Atlético Paulistano • São Paulo • São Paulo 2 2
• América Football Club • Rio de Janeiro • Rio de Janeiro 1 0
• Club de Regatas Vasco da Gama • Rio de Janeiro • Rio de Janeiro 1 8
• Associação Atlética São Bento • São Paulo • São Paulo 1 0
• Associação Atlética Internacional • Limeira • São Paulo 1 0
• Clube de Regatas do Flamengo • Rio de Janeiro • Rio de Janeiro 1 5
• Fluminense Football Club • Rio de Janeiro • Rio de Janeiro 1 5
• Associação Atlética das Palmeiras • São Paulo • São Paulo 1 0
• Sport Club Americano • Santos • São Paulo 1 0
# O Club Athletico Paulistano, fechou seu departamento de futebol em 1929;
# A Associação Atlética São Bento foi ebtinta em 1935;
# A Associação Atlética das Palmeiras foi extinta em 1930;
# O Sport Club Americano foi extinto em 1916;

😉

• Referêmcias (wijipedia.org):
# Em 1011 os clubes participantes eram A.A. das Palmeiras (SP) e Botafogo (RJ). A Palmeiras venceu a primeira partida por 4 a 2, perdeu a segunda por 6 a 1 e venceu a partida extra por 2 a 0 – na época o saldo de gols não era contabilizado. E ficou com a “Taça Salutaris”. Todos os jogos foram disputados em 1911.
# Em 1912 o Botafogo brigou com a Liga Metropolitana e recebeu apoio dos clubes paulistas. Com isso, a AA das Palmeiras não cedeu a Taça Salutaris, em sua posse, para a disputa que deveria ser feita entre Fluminense e SPAC. A Taça Salutaris acabou sendo doada, e o campeão dos campeões de 1911 não foi definido.
# Em 1913 os clubes participantes eram SC Americano (SP) e Botafogo (RJ), líderes de seus campeonatos e futuros campeões. O Americano venceu a partida, única, por 3 a 0, e conquistou a “Taça Dr. Joaquim Delamare”.
# Em 1914 os clubes participantes eram Paulistano (SP) e América (RJ). O Paulistano venceu a primeira partida por 3 a 2, mas a segunda partida não foi realizada. Nenhum time foi declarado campeão. O nome da taça ainda é desconhecido.
# Em 1915 a disputa passou a ser em jogo único.
# Em 1016 Flamengo e AA das Palmeiras não encontraram datas, pois a competição foi abafada pela “Taça Rio-São Paulo” disputada entre as seleções carioca e paulista (vencida pela paulista).
# Em 1917 a “Taça Ioduran” passou a ser oferecida nesse ano, e ficaria de posse definitiva com a federação que a levantasse por 3 anos seguidos. A disputa entre os campeões de Rio e São Paulo, porém, não aconteceu em campo: o Paulistano desistiu de jogar, em cima da hora, e entregou os pontos ao América como protesto. Os motivos: uma briga após um amistoso entre as equipes, alguns meses antes, a acusação de que os paulistas se reforçavam com jogadores de clubes rivais nas disputas interestaduais, e a escolha do campo do América para o jogo.
# Em 1919 a taça deveria ser disputada em abril de 1919, mas os paulistas pediram o adiamento da partida para junho. No dia 11 de junho de 1919 o Paulistano pediu para o confronto com o Fluminense ser considerado apenas amistoso, pois seu time não estava em forma, o que o Fluminense aceitou, vencendo o Paulistano, em São Paulo, por 3 a 1. A Taça Ioduran seria disputada à vera em 27 de agosto, em São Paulo, mas novamente o Paulistano não quis disputá-la, afirmando protestar contra uma briga entre a liga paulista e a Confederação Brasileira, e entregou os pontos. O Fluminense acusou o clube paulista de fugir de outra derrota, como a inflingida no amistoso. Como a “Taça Ioduran” estava em posse do Paulistano, e este se recusou a entregá-la ao Fluminense, as federações do Rio e São Paulo concordaram em encerrar a disputa.
# Em 1920 a Taça Ioduran foi substituída pelo Torneio dos Campeões de 1919, disputada entre os campeões do Rio, São Paulo e Rio Grande do Sul – cada um se enfrentando uma vez. Na disputa entre os campeões do Rio e São Paulo, deu São Paulo, que levantou também o torneio geral.
# Em 1921 e 1922: Os campeões destes anos não agendaram as disputas.
# Em 1923, América e Corinthians marcaram dois jogos. Com uma vitória para cada lado, o terceiro jogo não foi marcado. O América já era o campeão carioca, mas o Corinthians era apenas o líder paulista, faltando pouco para conseguir o título.
# Em 1924, como o Vasco foi afastado do seio dos grandes clubes cariocas, por contar com um time de negros, o Corinthians não aceitou o convite para a disputa dos campeões, sendo substituído pelo vice Palestra Itália (atual Palmeiras), que brigou com a liga paulista para conseguir enfrentar e vencer o Vasco.
# Em 1924 e 1925: Os campeões destes anos não agendaram as disputas.
# Em 1929, América e Corinthians empataram o jogo e não marcaram uma partida extra.
# A partir de 1930 as disputas passaram a ser realizadas em duas partidas, com saldo de gols como critério.
# Em 1936 os clubes eram líderes dos respectivos campeonatos, e disputaram uma melhor-de-três. O Botafogo recebeu a taça por ter o melhor saldo de gols. Ambos confirmaram, mais tarde, os títulos de seus estados.
# Em 1955, 1957, 1958, 1975, 1980 e 1987: Existem dúvidas quanto à validade da competição.
# Em 1961 a partida, disputada em meio a uma festa no Maracanã, abriu a temporada de 1962. Após o jogo Santos e Botafogo trocaram de faixas, e o clube carioca recebeu o troféu.
Fonte: http://www.wikipedia.org/

Torneio Rio-São Paulo

.:: Torneio Rio-São Paulo ::.

O Torneio Rio-São Paulo foi um torneio de futebol interestadual disputado por clubes do Rio de Janeiro e de São Paulo. Foi realizado pela primeira vez em 1933, mas só passou a ser disputada anualmente a partir de 1950. Em 1954, o torneio passou a ser oficialmente chamado “Torneio Roberto Gomes Pedrosa“, ainda contando apenas com clubes dos dois estados. Fonte: http://www.wikipedia.org/
Na foto o troféu de 1999 conquistado pelo Vasco. 🙂

Os Campeões
Os Campeões da Copa Conmebol
Ano Campeão Vice-Campeão Part
1933 • Societá Sportiva Palestra Itália (SP) • São Paulo da Floresta (SP) 12
1934 • Não Houve Campeão. O torneio foi iniciado mas não chegou ao seu final.
1940 • Não Houve Campeão. O torneio foi iniciado mas não chegou ao seu final. 9
1950 • Sport Club Corinthians Paulista (SP) • Clube de Regatas Vasco da Gama (RJ) 8
1951 • Sociedade Esportiva Palmeiras (SP) • Sport Club Corinthians Paulista (SP) 8
1952 • Associação Portuguesa de Desportos (SP) • Clube de Regatas Vasco da Gama (RJ) 10
1953 • Sport Club Corinthians Paulista (SP) • Clube de Regatas Vasco da Gama (RJ) 10
1954 • Sport Club Corinthians Paulista (SP) • Fluminense Football Club (RJ) 10
1955 • Associação Portuguesa de Desportos (SP) • Sociedade Esportiva Palmeiras (SP) 10
1956 • São Paulo Futebol Clube (SP) • Santos Futebol Clube (SP) 5
1957 • Fluminense Football Club (RJ) • Clube de Regatas do Flamengo (RJ) 10
1958 • Clube de Regatas Vasco (RJ) • Clube de Regatas do Flamengo (RJ) 10
1959 • Santos Futebol Clube (SP) • Clube de Regatas Vasco (RJ) 10
1960 • Fluminense Football Club (RJ) • Botafogo de Futebol e Regatas (RJ) 10
1961 • Clube de Regatas do Flamengo (RJ) • Botafogo de Futebol e Regatas (RJ) 10
1962 • Botafogo de Futebol e Regatas (RJ) • São Paulo Futebol Clube (SP) 9
1963 • Santos Futebol Clube (SP) • Sport Club Corinthians Paulista (SP) 10
1964 • Santos Futebol Clube (SP) e • Não Houve Vice-Cmpeão 10
• Botafogo de Futebol e Regatas (RJ)
1965 • Sociedade Esportiva Palmeiras (SP) • São Paulo Futebol Clube (SP) 10
1966 • Botafogo de Futebol e Regatas (RJ) • Não Houve Vice-Cmpeão 10
• Santos Futebol Clube (SP)
• Clube de Regatas Vasco (RJ)
• Sport Club Corinthians Paulista (SP)
1993 • Sociedade Esportiva Palmeiras (SP) • Sport Club Corinthians Paulista (SP) 8
1997 • Santos Futebol Clube (SP) • Clube de Regatas do Flamengo (RJ) 8
1998 • Botafogo de Futebol e Regatas (RJ) • São Paulo Futebol Clube (SP) 8
1999 • Clube de Regatas Vasco (RJ) • Santos Futebol Clube (SP) e 8
2000 • Sociedade Esportiva Palmeiras (SP) • Clube de Regatas Vasco (RJ) 8
2001 • São Paulo Futebol Clube (SP) • Botafogo de Futebol e Regatas (RJ) 8
2002 • Sport Club Corinthians Paulista (SP) • São Paulo Futebol Clube (SP) 16
# De 1933 â 1966 o torneio era decidido no sistema de Pontos Corridos, sem uma final.
# Em 1934 o torneio foi interrompido na Primeira Fase por causa da desistência do Palestra Itália, Vasco e Corinthians. O Flamengo foi o campeão do grupo do Rio de Janeiro.
# Em 1940 o torneio não chegou ao seu final por causa da desistências dos times paulistas quando Flamengo e Fluminense lideram a competição.
# O torneio de 1956 não é considerado oficial porque contou apena com times paulistas.
# Em 1964 Santos e Botafogo terminaram iguais na pontuação e foram marcados 2 jogos para desempate. Só o primeiro foi realizado, com a vitória do Botafogo por 3×2. Como não houve data disponível para a realização do segundo jogo, os dois foram declarados campeões.
# Em 1966 Botafogo, Santos, Vasco e Corinthians terminaram empatados com 11 pontos ganhos e por falta de datas foram todos declarados campeões.
# O torneio de 2002 foi chamado de Liga Rio-São Paulo e contou cpm 16 times.
# Não houve disputa da competição nos períodos de: 1941 à 1949; de 1967 à 1992 e de 1994 à 1996.

😉

.:: Principais Campeões ::.
Os Principais Campeões por Clubes
Time Cidade Estado Taças Vices
• Sociedade Esportiva Palmeiras • São Paulo • São Paulo 5 3
• Santos Futebol Clube • Santos • São Paulo 5 2
• Sport Club Corinthians Paulista • São Paulo • São Paulo 5 3
• Botafogo de Futebol e Regatas • Rio de Janeiro • Rio de Janeiro 4 3
• Club de Regatas Vasco da Gama • Rio de Janeiro • Rio de Janeiro 3 5
• Associação Portuguesa de Desportos • São Paulo • São Paulo 2 0
• Fluminense Football Club • Rio de Janeiro • Rio de Janeiro 2 1
• Clube de Regatas do Flamengo • Rio de Janeiro • Rio de Janeiro 1 3
• São Paulo Futebol Clube • São Paulo • São Paulo 1 5
# A Societá Sportiva Palestra Itália é a atual Sociedade Esportiva Palmeiras.

😉

.:: Artilheiros ::.
Os Principais Artilheiros
Ano Artilheiro Clube Gols
1933 • Carlos Esteves Nascimento de WALDEMAR DE BRITO • São Paulo da Floresta (SP) 33
1950 • Oswaldo Silva “BALTAZAR” • Corinthians (SP) 9
1951 • ADEMIR Marques de MENEZES • Vasco (RJ) 9
• Aquiles • Palmeiras (SP) 9
• Oswaldo Lima Moreira “LIMINHA” • Palmeiras (SP) 9
1952 • José Lázaro Robles “PINGA” • Portuguesa (SP) 11
1953 • Vasconcellos • Santos (SP) 8
1954 • DINO da Costa • Botafogo (RJ) 7
• Simões • América (RJ) 7
1955 • EDMUR Pinto Ribeiro • Portuguesa (SP) 11
1956 • Vasconcelos • Santos (SP) 4
1957 • WALDO Machado da Silva • Fluminense (RJ) 13
1958 • GINO Orlando • São Paulo (SP) 12
1959 • Henrique • Flamengo (RJ) 9
1960 • Waldir Cardoso Lebrêgo “QUARENTINHA” • Botafogo (RJ) 11
1961 • Antonio Wilson Honorio “COUTINHO” • Santos (SP) 9
• José Macia “PEPE” • Santos (SP) 9
1962 • AMARILDO Tavares da Silveira • Botafogo (RJ) 8
1963 • Edson Arantes do Nascimento “PELÉ” • Santos (SP) 14
1964 • Antonio Wilson Honorio “COUTINHO” • Santos (SP) 9
• SERVÍLIO de Jesus Filho • Palmeiras (SP) 9
1965 • ADEMAR Miranda Júnior “PANTERA” • Palmeiras (SP) 14
• FLÁVIO Almeida da Fonseca • Corinthians (SP) 14
1966 • Antônio PARADA Neto • Botafogo (RJ) 8
1993 • RENATO Portaluppi “GAUCHO” • Flamengo (RJ) 6
1997 • ROMÁRIO de Souza Faria • Flamengo (RJ) 7
1998 • Ricardo Lucas Figueredo Monte Raso “DODÔ” • São Paulo (SP) 5
1999 • ALESSANDRO Andrade de Oliveira “CAMBALHOTA” • Santos (SP) 5
• José Roberto Gama de Oliveira “BEBETO” • Botafogo (RJ) 5
• GUILHERME de Cássio Alves • Vasco (RJ) 5
2000 • ROMÁRIO de Souza Faria • Vasco (RJ) 12
2001 • Françoaldo Sena de Souza “FRANÇA” • São Paulo (SP) 6
2002 • Françoaldo Sena de Souza “FRANÇA” • São Paulo (SP) 19