Archive for the ‘CONMEBOL’ Category

Todos oa Campeões da Copa América


.:: Copa América ::.

A Copa América ou Taça América é a principal competição entre seleções de futebol dos países da Confederação Sul-Americana de Futebol, CONMEBOL.
As seleções que normalmente participam são: Brasil, Argentina, Bolívia, Uruguai, Chile, Paraguai, Colômbia, Peru, Equador e Venezuela. Desde 1993, outras seleções de outras Federações são convidadas para participar em cada edição, tais como: México, Costa Rica, Honduras, Estados Unidos e até mesmo o Japão.
Troféu da Copa América: A Copa América, nome da taça dada ao vencedor da competição, foi doada à Conmebol pelo Ministério das Relações Exteriores da Argentina em 1916. A taça foi obtida em uma joalheria de Buenos Aires e custou 3.000 francos suíços na época. A taça é ornada em prata, com uma base de madeira que contém várias placas com os anos em que foram disputadas as competições e seus respectivos campeões. (Fonte: ca2011.com)

.:: Todos os Campeões ::.

Campeonato Sulamericano de Futebol
Ano Sede Campeão Vice Treinador Campeão
1916 Argentina Uruguai Argentina Alfredo Foglino
1917 Uruguai Uruguai Argentina Ramón Platero
1919 Brasil Brasil Uruguai Haroldo Domingues
1920 Chile Uruguai Argentina Ernesto Fígoli
1921 Argentina Argentina Brasil Pedro Calomino
1922 Brasil Brasil Paraguai Laís
1923 Uruguai Uruguai Argentina Leonardo de Lucca
1924 Uruguai Uruguai Argentina Ernesto Meliante
1925 Argentina Argentina Brasil Américo Tesoriere
1926 Chile Uruguai Argentina Ernesto Fígoli
1927 Peru Argentina Uruguai José Lago Millón
1929 Argentina Argentina Paraguai Fransisco Olazar
1935 Peru Uruguai Argentina Raúl Blanco
1937 Argentina Argentina Brasil Manuel Seoane
1939 Peru Peru Uruguai Jack Greenwell (ING)
1941 Chile Argentina Uruguai Guillermo Stábile
1942 Uruguai Uruguai Argentina Pedro Cea
1945 Chile Argentina Brasil Guillermo Stábile
1946 Argentina Argentina Brasil Guillermo Stábile
1947 Equador Argentina Paraguai Guillermo Stábile
1949 Brasil Brasil Paraguai Flavio Costa
1953 Peru Paraguai Brasil Fleitas Solich
1955 Chile Argentina Chile Guillermo Stábile
1956 Uruguai Uruguai Chile Hugo Bagnulo
1957 Peru Argentina Brasil Guillermo Stábile
1959 Argentina Argentina Brasil Victorio Spinetto
1959 Equador Uruguai Argentina Juan Carlos Corazzo
1963 Bolivia Bolívia Paraguai Danilo Alvim (BRA)
1967 Uruguai Uruguai Argentina Juan Carlos Corazzo
Copa América de Seleções
Ano Sede Campeão Vice Treinador Campeão
1975 Sem Sede Peru Colômbia Marcos Calderón
1979 Sem Sede Parauguai Chile Ranulfo Miranda
1983 Sem Sede Uruguai Brasil Omar Borrás
1987 Argentina Uruguai Chile Roberto Fleitas
1989 Brasil Brasil Uruguai Sebastião Lazaroni
1991 Chile Argentina Brasil Alfio Basile
1993 Equador Argentina México Alfio Basile
1995 Uruguai Uruguai Brasil Héctor Núñez
1997 Bolívia Brasil Bolíva Zagallo
1999 Paraguai Brasil Uruguai V. Luxemburgo
2001 Colômbia Colômbia México Francisco Maturana
2004 Peru Brasil Argentina C.A. Parreira
2007 Venezuela Brasil Argentina Dunga
2011 Argentina Uruguai Paraguai Óscar Tabárez (URU)
2015 Chile Chile Argentina Jorge Sampaoli (ARG)
2016 Estados Unidos Chile Argentina JUAN Antonio PIZZI Torroja (ESP)
2019 Brasil Indefinido Indefinido Indefinido
2023 Colômbia Indefinido Indefinido Indefinido
# de 1916 à 1967 o torneio chamou-se: Campeonato Sulamericano de Futebol. A partir de 1975 levou o atual nome de Copa América.
# Nos torneios de 1975, 1979 e 1983 os Campeões dos torneios de 1967, 1975 e 1979 não participaram da 1ª Fase e entraram na Semifinal.
# Nos torneios de 1975, 1979 e 1983 não houve uma sede fixa. Oa jogos eram realizados no sistema de ida e volta.
# O Brasil não participou nos totnrios de: 1924, 1926, 1927, 1929, 1935, 1939,1941, 1947, 1955 e 1967
# O Comitê Executivo da Conmebol se reuniu nesta quarta-feira (23/10/2012) e bateu o martelo pela realização de uma Copa América extra, em julho de 2016, para comemorar os 100 anos da entidade que comanda o futebol sul-americano. O torneio, por conta disso, será chamado de Copa América Centenário.

.:: Principais Artilheiros ::.

Campeonato Sulamaericano de Futebol – 1916 à 1967
Ano Sede Artilheiro Seleção Gols
1916 Argentina Isabelino Gradín Uruguai 3
1917 Uruguai Alfredo Ángel ROMANO Uruguai 4
1919 Brasil Arthur Friedenreich
Manoel Nunes “NECO”
Brasil
Brasil
4
4
1920 Chile José PÉREZ
Alfredo Ángel ROMANO
Uruguai
Uruguai
3
3
1921 Argentina Julio LIBONATTI “Matador” Argentina 3
1922 Brasil Julio FRANCIA “Monito” Argentina 4
1923 Uruguai Vicente “Chueco” AGUIRRE
Pedro “Perucho” PETRONE Schiavone
Argentina
Uruguai
3
3
1924 Uruguai Pedro “Perucho” PETRONE Schiavone Uruguai 4
1925 Argentina Manuel SEOANE “Chancha” Argentina 6
1926 Chile DAVID Alfonso ARELLANO Moraga Chile 7
1927 Peru Alfredo Demetrio CARRICABERRY
Segundo “LUNA” Nepomuceno Gómez
Roberto FIGUEROA
Pedro “Perucho” PETRONE Schiavone
Héctor Pedro SCARONE Beretta
Argentina
Argentina
Uruguai
Uruguai
Uruguai
3
3
3
3
5
1929 Argentina Aurelio Ramón GONZÁLEZ Benítez Paraguai 5
1935 Peru Herminio MASANTONIO Argentina 4
1937 Argentina Raúl TORO Julio “Toribio” Chile 7
1939 Peru Teodoro Oswaldo “Lolo” FERNÁNDEZ Meyzán Peru 7
1941 Chile Juan Andrés MARVEZZI Argentina 5
1942 Uruguai Herminio MASANTONIO
José Manuel MORENO Fernández
Argentina
Argentina
7
7
1945 Chile HELENO de Freitas “El Principe”
Norberto Doroteo “Tucho” MÉNDEZ
Brasil
Argentina
6
6
1946 Argentina José María MEDINA Uruguai 7
1947 Equador Nicolás FALERO “El Enamorado del Gol” Uruguai 8
1949 Brasil JAIR Rosa Pinto Brasil 9
1953 Peru Francisco “Paco” MOLINA Simón Chile 7
1955 Chile Rodolfo Joaquín MICHELI Argentina 8
1956 Uruguai Daniel Enrique HORMZÁBAL Silva Chile 4
1957 Peru Humberto Dionisio MASCHIO
Javier “Patesko” AMBROIS
Argentina
Uruguai
9
9
1959 Argentina Édson Arantes do Nascimento “PELÉ” Brasil 8
1959 Equador José Francisco “El Nene” SANFILIPPO Argentina 6
1963 Bolivia Carlos Alberto RAFFO Vallaco Equador 6
1967 Uruguai Luis “Artillero” ARTIME Argentina 4
Copa América
Ano Sede Artilheiro Seleção Gols
1975 Sem Sede Leopoldo Jacinto “Pulpo” LUQUE
José Ernesto “El Teto” DÍAZ Correa
Argentina
Colômbia
5
5
1979 Sem Sede Jorge Sigfrido PEREDO Gutiérrez
Felix EUGENIO MOREL Bogado
Chile
Paraguai
4
4
1983 Sem Sede Carlos ROBERTO de Oliveira “DINAMITE”
Jorge Luis BURRUCHAGA “El Burru”
Carlos Alberto AGUILERA Novas
Eduardo Hugo MALÁSQUEZ Maldonado
Brasil
Argentina
Uruguai
Peru
3
3
3
3
1987 Argentina Arnoldo Alberto IGUARÁN Zuñiga “El Guajiro” Colômbia 4
1989 Brasil José Roberto Gama de Oliveira “BEBETO” Brasil 6
1991 Chile Gabriel Omar BATISTUTA “Batigol” Argentina 6
1993 Equador José Luis DOLGETTA “Tilico” Venezuela 4
1995 Uruguai Gabriel Omar BATISTUTA “Batigol”
Luis GARCÍA Postigo
Argentina
México
4
4
1997 Bolívia LUIS Arturo HERNÁNDEZ Carreón “El Matador” México 6
1999 Paraguai RIVALDO Vítor Borba Ferreira
RONALDO Luiz Nazário de Lima “FENÔMENO”
Brasil
Brasil
5
5
2001 Colômbia Víctor Hugo ARISTIZÁBAL Posada “Aristigol” Colômbia 6
2004 Peru ADRIANO Leite Ribeiro “IMPERADOR” Brasil 7
2007 Venezuela Róbson de Souza “ROBINHO” Brasil 6
2011 Argentina José PAOLO GUERRERO Gonzales Peru 5
2015 Chile EDUARDO Jesús VARGAS Rojas
José PAOLO GUERRERO Gonzales
Chile
Peru
4
4
2011 Estados Unidos EDUARDO Jesús VARGAS Rojas Chile 6
# Atualizado até a Copa América de 2016.

.:: Recordistas ::.

Os Recordistas da Copa América
Recordistas de Gols Recordistas de Jogos
Atleta Gols Atleta Jogos
• Zizinho (Brasil) 17 • Sergio Livingstone (Chile) 34
• Norberto Méndez (Argentina) 17 • Zizinho (Brasil) 33
• Severino Varela (Uruguai) 15 • Víctor Agustín Ugarte (Bolivia) 30
• Teodoro “Lolo” Fernández (Peru) 15 • Leonel Álvarez (Colômbia) 27
• Gabriel Batistuta (Argentina) 13 • Carlos Valderrama (Colômbia) 27
• José Manuel Moreno (Argentina) 13 • Carlos Sánchez (Colômbia) 25
• Jair Rosa Pinto (Brasil) 13 • Cláudio Taffarel (Brasil) 25
• Ademir Menezes (Brasil) 13 • José Bustamante (Bolivia) 24
• Héctor Scarone (Uruguai) 13 • Teodoro “Lolo” Fernández (Peru) 24
• Roberto Porta (Uruguai) 12 • Cornelio Heredia (Peru) 24
• Ángel Romano (Uruguai) 12 • Alberto Achá (Bolivia) 24
• Herminio Masantonio (Argentina) 11 • Carlos Borja (Bolivia) 23
• Valdir Pereira “Didi” (Brasil) 11 • Ángel Romano (Uruguai) 23
• Javier Ambrois (Uruguai) 10 • Guillermo Delgado (Peru) 22
• Ángel Labruna (Argentina) 10 • Djalma Santos (Brasil) 22
• Ronaldo “Femômeno” (Brasil) 10 • René Higuita (Colômbia) 22
• Enrique Hormazábal (Chile) 10 • José Milton Melgar (Bolivia) 22
# Atualizado até a Copa América de 2016.

.:: Curiosidades ::.

# Em 1910, aconteceu a primeira competição internacional na América do Sul com mais de dois participantes. A Copa Centenario Revolución de Mayo 1910 contou com Chile, Uruguai e a campeã e anfitriã Argentina. A Conmebol, no entanto, não reconhece esse torneio como Copa América.
# A primeira edição da Copa América aconteceu em 1916 e foi uma comemoração do Centenário da Independência da Argentina. Nesse ano, foi criada também a Confederação Sul-Americana de Futebol (CONMEBOL).
# Criada como Campeonato Sul-Americano de Futebol a ideia inicial era de que fosse disputada todos os anos. Isso ocorreu em 1916 e 1917, mas, no ano seguinte, houve uma epidemia de gripe no Brasil, que seria o país sede, e a competição foi transferida para 1919, a competição ficou com esse nome até 1967. A partir de 1975, o torneio passou a ser chamado de Copa América, sendo somente três edições da Copa América não tiveram sedes. Nos anos de 1975, 1979 e 1983 os jogos aconteceram no sistema ida e volta, sem sede fixa.
# O troféu da Copa América, feito de prata, com base de madeira, foi comprado em uma joalheria em Buenos Aires, em 1917. Ele mede 75 centímetros de altura, 30 de diâmetro, pesa 9 kg e custou, na época, 3.000 francos.
# O primeiro gol da Copa América foi feito por um uruguaio: José Piendibene marcou na vitória sobre o Chile por 4 a 0, em 1916. “The Master”, como era conhecido, ficou famoso jogando no Peñarol.
# A Argentina é o país que mais organizou Copa América na história, sendo o país com mais vice-campeonatos: 12 no total. o Brasil (11 vezes vice). O Uruguai já foi 6 vezes o segundo colocado. Buenos Aires, junto a Montevidéu, são as cidades com mais jogos disputados: 83 no total.
# A seleção Argentina possui o melhor aproveitamento entre os 15 países que já disputaram o torneio, possuindo 14 titulos e 12 vice-campeonatos da Copa América, é o país que mais possui vitórias na Copa América: são 111 vitórias em 173 partidas disputadas. conquistandou 70% dos pontos disputados, sendo o Brasil o segundo (63%), seguido pelo Uruguai (61%). A seleção Argentina é dona das duas maiores goleadas da história da Copa América, em 1942 por 12 x 0 no Equador, e em 1975, vitória por 11 x 0 sobre a Venezuela. A seleção argentina possui o melhor ataque na história do torneio, com 422 gols.
# Juan Marvezzi e José Manuel Moreno são os argentinos que marcaram mais vezes em uma única partida de Copa América: cinco gols. Marvezi fez cinco na goleada de 6 x 1 sobre o Equador, em 1941. Já Moreno marcou 5 gols na vitória por 12 x 0 sobre o Equador, em 1942.
# O árbitro que mais apitou partidas na história da Copa América foi o argentino José Bartolomé Macías, com 25 jogos durante a década de 1930.
# O estádio Nacional é o estádio que mais sediou partidas de Copa América: 68 jogos. O segundo lugar é do estádio Centenário, de Montevidéu, Uruguai, com 65 partidas. O chileno, Enrique Hormazábal, foi o autor do histórico gol 1000 da Copa América. Foi na vitória de 7 x 1 sobre o Equador, em 1955.
# A edição de 1925 foi a que teve o menor número de seleções participantes, com apenas três países: Argentina, Brasil e Paraguai. O formato encontrado na época foi jogos entre si em turno e returno e a Argentina sagrou-se campeã. A edição com o maior média de gols foi a de 1937, no Peru. Sendo marcados 37 gols em seis partidas jogadas, média de 6,17 gols por partida. Naquele ano, a Argentina terminou campeã e o artilheiro foi um uruguaio, Norberto Figueroa, com 4 gols.
# O Japão foi a única seleção fora do continente americano a ser convidada a participar da Copa América. Os japoneses disputaram o torneio em 1999, naquela edição, os japoneses perderam para Peru e Paraguai e empataram com a Bolívia.Atsuhiro Miura é o único japonês que marcou gol na história da Copa América, sendo que dos três gols assinalados pelo Japão, dois foram marcados pelo brasileiro Wagner Lopes (um contra a Bolívia e outro contra o Peru;
# Entre as seleções convidadas que já jogaram a Copa América, a mexicana é aquela com a melhor campanha, com duas finais disputadas, cinco semifinais e duas quartas-de-final em 8 edições disputadas. Logo na primeira participação em 1993,chega a final com derrota para Argentina por 2 x 1. A maior goleada mexicana é sobre o Paraguai por 6 x 0 na Copa América de 2007. Claudio Suárez é o mexicano que mais jogou a Copa América. Foram 22 partidas nas edições de 1995, 1997, 1999 e 2004.
# O Uruguai é a seleção que mais participou da Copa América. A Celeste esteve presente em 41 das 43 edições do torneio de seleções mais antigo do mundo com 189 jogos em 41 edições. A Argentina vem na segunda posição (173), seguida por Brasil (167). O Uruguai é o segundo país que mais sediou a Copa América, no total de sete edições (1917, 1923, 1924, 1942, 1956, 1967 e 1995). O jogador uruguaio com mais partidas pela Copa América é Ángel Romano, com 23 partidas nas edições de 1916, 1917, 1919, 1920, 1921, 1922, 1924 e 1926.
# A Venezuela é o país da Conmebol que menos participou da Copa América, participando de apenas 14 edições. Entre os convidados, Honduras e Japão jogaram uma só vez.
# Com 17 gols marcados, o brasileiro Zizinho é o maior de todas as edições de Copa América, empatado com o argentino Norberto Méndez.
# O atacante Evaristo de Macedo obtém o recorde brasileiro de gols em uma única partida de Copa América: cinco gols. O jogo foi contra Colômbia, em 1957, e terminou 9 x 0 para a seleção brasileira.
# O Brasil ficou 40 anos sem conquistar uma Copa América. O país ganhou em 1949 e só foi levantar a taça novamente em 1989. A seleção brasileira venceu o Uruguai por 1 x 0, com gol de Romário. A final aconteceu exatamente 49 anos depois da final Copa do Mundo de 1950, no dia dia 16 de julho, no mesmo estádio, o Maracanã.
# O Rei Pelé disputou somente uma edição da Copa América, em 1959, sendo artilheiro do torneio, com oito gols, mas acabou como vice-campeão. A Argentina foi a campeã.
# Na semifinal da Copa América de 1987, o Chile goleou o Brasil por 4 x 0, na maior vitória sobre a seleção canarinho. Aquela foi a última edição em que o Chile chegou à final.
# O argentino Norberto Méndez e o brasileiro Zizinho são os maiores artilheiros da história da Copa América. Cada um marcou 17 gols.
# O recorde de artilharia em uma única edição de Copa América é de 9 gols marcados.Três nomes dividem o topo: Jair Rosa Pinto (Brasil, em 1949); Humberto Maschio (Argentina, em 1957); e Ambrois (Uruguai, também em 1957.
@ Fonte: http://pt.wikipedia.org/

Campeonato Uruguaio 1ª Divisão

.:: Campeonato Uruguaio ::.
A Primera División Profesional de Uruguai é a categoria máxima do Campeonato Uruguaio de Futebol, organizado pela Asociación Uruguaya de Fútbol. O primeiro Campeonato Uruguaio foi disputado no ano de 1900. Desde essa data até 1931, todas as edições do campeonato foram disputadas de forma amadora. A partir de 1932, implanta-se o profissionalismo no futebol uruguaio. Fonte: http://pt.wikipedia.org/

.:: Galeria de Campeões ::.
Era Amadora – Uruguay Association Foot-ball League
Ed Ano Campeão Vice Treinador Campeão T
1900 • Railway Cricket Club • Albion FC • Sem Registro
1901 • Railway Cricket Club • Nacional Montevideu • Sem Registro
1902 • Nacional Montevideu • Railway Cricket Club • Sem Registro
1903 • Nacional Montevideu • Railway Cricket Club • Sem Registro
1904 • Não Houve Torneio • Não Houve Torneio • Não Houve Torneio
1905 • Railway Cricket Club • Nacional Montevideu • Sem Registro
1906 • Montevideu Wanderers • Railway Cricket Club • Sem Registro
1907 • Railway Cricket Club • Montevideu Wanderers • Sem Registro
Era Amadora – Liga Uruguaya
Ed Ano Campeão Vice Treinador Campeão T
1908 • River Plate FC • Montevideu Wanderers • Sem Registro
1909 • Montevideu Wanderers • Railway Cricket Club • Sem Registro
10ª 1910 • River Plate FC • Railway Cricket Club • Sem Registro
11ª 1911 • Railway Cricket Club • Montevideu Wanderers • Sem Registro
12ª 1912 • Nacional Montevideu • Railway Cricket Club • Sem Registro
13ª 1913 • River Plate FC • Nacional Montevideu • Sem Registro
14ª 1914 • River Plate FC • CA Peñarol • Sem Registro
Era Amadora – Asociación Uruguaya de Foot-ball
Ed Ano Campeão Vice Treinador Campeão T
15ª 1915 • Nacional Montevideu • CA Peñarol • Sem Registro
16ª 1916 • Nacional Montevideu • CA Peñarol • Sem Registro
17ª 1917 • Nacional Montevideu • CA Peñarol • Sem Registro
18ª 1918 • CA Peñarol • Nacional Montevideu • Sem Registro
19ª 1919 • Nacional Montevideu • Universal FC • Sem Registro
20ª 1920 • Nacional Montevideu • CA Peñarol • Sem Registro
21ª 1921 • CA Peñarol • Nacional Montevideu • Sem Registro
22ª 1922 • Nacional Montevideu • Montevideu Wanderers • Sem Registro
23ª 1923 • Nacional Montevideu • Rampla Juniors FC • Sem Registro
24ª 1924 • Nacional Montevideu • CA Bella Vista • Sem Registro
1925 • Torneio Inacabado • Torneio Inacabado • Torneio Inacabado
1926 • Não Houve Torneio • Não Houve Torneio • Não Houve Torneio
Era Amadora – Asociación Uruguaya de Foot-Ball
Ed Ano Campeão Vice Treinador Campeão T
25ª 1927 • Rampla Juniors FC • CA Peñarol • Sem Registro
26ª 1928 • CA Peñarol • Rampla Juniors FC • Sem Registro
27ª 1929 • CA Peñarol • Nacional Montevideu • Sem Registro
1930 • Não Houve Torneio • Não Houve Torneio • Não Houve Torneio
28ª 1931 • Montevideu Wanderers • Nacional Montevideu • Sem Registro
Era Amadora – Federación Uruguaya de Foot-Ball (FUF)
Ed Ano Campeão Vice Treinador Campeão T
1923 • Atlético Wanderers • CA Peñarol • Sem Registro
1924 • CA Peñarol • Atlético Wanderers • Sem Registro
1925 • Torneio Inacabado • Torneio Inacabado • Torneio Inacabado
Era Amadora – Campeonato do Conselho Provisório
Ed Ano Campeão Vice Treinador Campeão T
1926 • CA Peñarol • Montevideu Wanderers • Sem Registro
Profissionalismo – Asociación Uruguaya de Fútbol
Ed Ano Campeão Vice Treinador Campeão T
29ª 1932 • CA Peñarol • Rampla Juniors FC • Sem Registro
30ª 1933 • Nacional Montevideu • CA Peñarol • Sem Registro
31ª 1934 • Nacional Montevideu • CA Peñarol • Sem Registro
32ª 1935 • CA Peñarol • Nacional Montevideu • Sem Registro
33ª 1936 • CA Peñarol • Nacional Montevideu • Sem Registro
34ª 1937 • CA Peñarol • Nacional Montevideu • Sem Registro
35ª 1938 • CA Peñarol • Nacional Montevideu • Sem Registro
36ª 1939 • Nacional Montevideu • CA Peñarol • Sem Registro
37ª 1940 • Nacional Montevideu • Rampla Juniors FC • Sem Registro
38ª 1941 • Nacional Montevideu • CA Peñarol • Sem Registro
39ª 1942 • Nacional Montevideu • CA Peñarol • Sem Registro
40ª 1943 • Nacional Montevideu • CA Peñarol • Sem Registro
41ª 1944 • CA Peñarol • Nacional Montevideu • Sem Registro
42ª 1945 • CA Peñarol • Nacional Montevideu • Sem Registro
43ª 1946 • Nacional Montevideu • CA Peñarol • Sem Registro
44ª 1947 • Nacional Montevideu • Não Definido • Sem Registro
1948 • Torneio Inacabado • Torneio Inacabado • Torneio Inacabado
45ª 1949 • CA Peñarol • Nacional Montevideu • Sem Registro
46ª 1950 • Nacional Montevideu • CA Peñarol • Sem Registro
47ª 1951 • CA Peñarol • Nacional Montevideu • Sem Registro
48ª 1952 • Nacional Montevideu • CA Peñarol • Sem Registro
49ª 1953 • CA Peñarol • Nacional Montevideu • Sem Registro
50ª 1954 • CA Peñarol • Nacional Montevideu • Sem Registro
51ª 1955 • Nacional Montevideu • CA Peñarol • Sem Registro
52ª 1956 • Nacional Montevideu • CA Peñarol • Sem Registro
53ª 1957 • Nacional Montevideu • CA Peñarol • Sem Registro
54ª 1958 • CA Peñarol • Nacional Montevideu • Sem Registro
55ª 1959 • CA Peñarol • Nacional Montevideu • Sem Registro
56ª 1960 • CA Peñarol • CA Cerro • Sem Registro
57ª 1961 • CA Peñarol • Nacional Montevideu • Sem Registro
58ª 1962 • CA Peñarol • Nacional Montevideu • Sem Registro
59ª 1963 • Nacional Montevideu • CA Peñarol • Sem Registro
60ª 1964 • CA Peñarol • Rampla Juniors FC • Sem Registro
61ª 1965 • CA Peñarol • Nacional Montevideu • Sem Registro
62ª 1966 • Nacional Montevideu • CA Peñarol • Sem Registro
63ª 1967 • CA Peñarol • Nacional Montevideu • Sem Registro
64ª 1968 • CA Peñarol • Nacional Montevideu • Sem Registro
65ª 1969 • Nacional Montevideu • CA Peñarol • Sem Registro
66ª 1970 • Nacional Montevideu • CA Peñarol • Sem Registro
67ª 1971 • Nacional Montevideu • CA Peñarol • Sem Registro
68ª 1972 • Nacional Montevideu • CA Peñarol • Sem Registro
69ª 1973 • CA Peñarol • Nacional Montevideu • Sem Registro
70ª 1974 • CA Peñarol • Nacional Montevideu • Sem Registro
71ª 1975 • CA Peñarol • Nacional Montevideu • Sem Registro
72ª 1976 • CA Defensor • CA Peñarol • Sem Registro
73ª 1977 • Nacional Montevideu • CA Peñarol • Sem Registro
74ª 1978 • CA Peñarol • Nacional Montevideu • Sem Registro
75ª 1979 • CA Peñarol • Nacional Montevideu • Sem Registro
76ª 1980 • Nacional Montevideu • Montevideu Wanderers • Sem Registro
77ª 1981 • CA Peñarol • Nacional Montevideu • Sem Registro
78ª 1982 • CA Peñarol • Nacional Montevideu • Sem Registro
79ª 1983 • Nacional Montevideu • Danubio FC • Sem Registro
80ª 1984 • Central Español • CA Peñarol • Sem Registro
81ª 1985 • CA Peñarol • Montevideu Wanderers • Sem Registro
82ª 1986 • CA Peñarol • Nacional Montevideu • Sem Registro
83ª 1987 • CA Defensor • Nacional Montevideu • Sem Registro
84ª 1988 • Danubio FC • CA Peñarol • Sem Registro
85ª 1989 • CA Progresso • Nacional Montevideu • Sem Registro
86ª 1990 • CA Bella Vista • Nacional Montevideu • Sem Registro
87ª 1991 • Defensor Sporting • Nacional Montevideu • Sem Registro
88ª 1992 • Nacional Montevideu • CA River Plate • Sem Registro
89ª 1993 • CA Peñarol • Defensor Sporting • Sem Registro
90ª 1994 • CA Peñarol • Defensor Sporting • Sem Registro
91ª 1995 • CA Peñarol • Nacional Montevideu • Sem Registro
92ª 1996 • CA Peñarol • Nacional Montevideu • Sem Registro
93ª 1997 • CA Peñarol • Defensor Sporting • Sem Registro
94ª 1998 • Nacional Montevideu • CA Peñarol • Sem Registro
95ª 1999 • CA Peñarol • Nacional Montevideu • Sem Registro
96ª 2000 • Nacional Montevideu • CA Peñarol • Sem Registro
97ª 2001 • Nacional Montevideu • Danubio FC • Sem Registro
98ª 2002 • Nacional Montevideu • Danubio FC • Sem Registro
99ª 2003 • CA Peñarol • Nacional Montevideu • Sem Registro
100ª 2004 • Danubio FC • Nacional Montevideu • Sem Registro
101ª 2005 • Nacional Montevideu • Defensor Sporting • Sem Registro
Temporada
Ed Ano Campeão Vice Treinador Campeão T
102ª 2005-06 • Nacional Montevideu • Rocha FC • Martín Lasarte 20
103ª 2006-07 • Danubio FC • CA Peñarol • Gustavo Matosas 16
104ª 2007-08 • Defensor Sporting • CA Peñarol • Jorge da Silva 16
105ª 2008-09 • Nacional Montevideu • Defensor Sporting • Gerardo Pelusso 16
106ª 2009-10 • CA Peñarol • Nacional Montevideu • Diego Aguirre 16
107ª 2010-11 • Nacional Montevideu • Defensor Sporting • Juan Carrasco 16
108ª 2011-12 • Nacional Montevideu • CA Peñarol • Marcello Gallardo 16
109ª 2012-13 • CA Peñarol • Defensor Sporting • Jorge da Silva 16
110ª 2013-14 • Danubio FC • Montevideo Wanderers • Sem Registro 16
# Em 1904 o campeonato não foi disputado por causa da Guerra civil.
# Em 1925 o campeonato não foi concluído por problemas internos.
# Em 1926 foi realizado o Conselho Provisório, o qual foi não foi organizado pela AUF.
# Em 1930 o campeonato oficial não ocorreu devido aos preparativos do país para a Copa do Mundo.
# Em 1923 e em 1924, o Montevideo Wanderers, assim como os clubes Charley e Lito, participou com duas equipes distintas em ambos os campeonatos simultaneamente. Nos torneios da FUF, jogou o time “B” da instituição, com a denominação de “Atlético Wanderers”.
# Em 1948 o campeonato oficial não foi concluído por greve dos jogadores.
.:: Os Maiores Campeões ::.
Os Maiores Ganhadores do Campeonato
Clube Fund. Taças Vices
1 • Club Atlético Peñarol (Montevideu) 1891 49 41
2 • Club Nacional de Football (Montevideu) 1899 44 43
3 • Montevideu Wanderers Fútbol Club (Montevideu) 1902 4 8
4 • River Plate Football Club (extinto) 4 0
5 • Defensor Sporting Club (Montevideu) 1913 4 7
6 • Danubio Fútbol Club (Montevideu) 1932 4 3
7 • Rampla Juniors Fútbol Club (Montevideu) 1914 1 5
8 • Central Español Fútbol Club (Montevideu) 1905 1 0
9 • Club Atlético Progreso (Montevideu) 1917 1 0
10 • Club Atlético Bella Vista (Montevideu) 1920 1 1
# Foi creditado ao Clube Atlético Peñarol os títulos conquistados na época em que o mesmo se chamava Central Uruguai Railway Cricket Club, o CURCC.
# O Defensor Sporting Club antes chamava-sae Club Atlético Defensor;

.:: Artilheiros ::.
Os Principais Artilheiros da Competição
Ed Ano Artilheiro Time Gols
29ª 1932 • Juan Miguel LABRAGA • Rampla Juniors FC 17
30ª 1933 • Pedro YOUNG • CA Peñarol 33
31ª 1934 • Aníbal CIOCCA • Nacional de Montevideu 13
32ª 1935 • Antonio Castaldo • CA Defensor 12
33ª 1936 • Aníbal CIOCCA • Nacional de Montevideu 14
34ª 1937 • Horacio TELLECHEA • CA Peñarol 16
35ª 1938 • ATILIO Ceferino GARCÍA Pérez (ARG) • Nacional de Montevideu 20
36ª 1939 • ATILIO Ceferino GARCÍA Pérez (ARG) • Nacional de Montevideu 22
37ª 1940 • ATILIO Ceferino GARCÍA Pérez (ARG) • Nacional de Montevideu 18
38ª 1941 • ATILIO Ceferino GARCÍA Pérez (ARG) • Nacional de Montevideu 23
39ª 1942 • ATILIO Ceferino GARCÍA Pérez (ARG) • Nacional de Montevideu 19
40ª 1943 • ATILIO Ceferino GARCÍA Pérez (ARG) • Nacional de Montevideu 18
41ª 1944 • ATILIO Ceferino GARCÍA Pérez (ARG) • Nacional de Montevideu 21
42ª 1945 • Nicolás FALERO
• Raúl SCHIAFFINO
• CA Peñarol
• CA Peñarol
21
21
43ª 1946 • ATILIO Ceferino GARCÍA Pérez (ARG) • Nacional de Montevideu 21
44ª 1947 • Nicolás FALERO • CA Peñarol 17
1948 • Óscar Omar MIGUEZ • CA Peñarol 8
45ª 1949 • Óscar Omar MIGUEZ • CA Peñarol 20
46ª 1950 • Juan Ramón ORLANDI • Nacional de Montevideu 14
47ª 1951 • Juan Eduardo HOHBERG • CA Peñarol 17
48ª 1952 • Jorge ENRICO • Nacional de Montevideu 15
49ª 1953 • Juan Eduardo HOHBERG • CA Peñarol 17
50ª 1954 • Juan ROMAY • CA Peñarol 12
51ª 1955 • Javier AMBROIS • Nacional de Montevideu 17
52ª 1956 • Carlos CARRANZA • CA Cerro 18
53ª 1957 • Walter HERNÁNDEZ • CA Defensor 16
54ª 1958 • Manuel PEDERSEN • Rampla Juniors 12
55ª 1959 • Víctor Guaglianone • Nacional de Montevideu 13
56ª 1960 • Ángel Cabrera • CA Peñarol 14
57ª 1961 • Alberto Pedro SPENCER Herrera (EQU) • CA Peñarol 18
58ª 1962 • Alberto Pedro SPENCER Herrera (EQU) • CA Peñarol 16
59ª 1963 • PEDRO Virgilio ROCHA Franchetti • CA Peñarol 18
60ª 1964 • Héctor Salva • Ranpla Juniors FC 12
61ª 1965 • PEDRO Virgilio ROCHA Franchetti • CA Peñarol 15
62ª 1966 • Araquem de Melo (Brasil) • Danubio FC 12
63ª 1967 • Alberto Pedro SPENCER Herrera (EQU) • CA Peñarol 11
64ª 1968 • Alberto Pedro SPENCER Herrera (EQU)
• PEDRO Virgilio ROCHA Franchetti
• Rubén GARCÍA
• Rubén BAREÑO
• CA Peñarol
• CA Cerro
• CA Cerro
• CA Peñarol
8
8
8
8
65ª 1969 • Luis ARTIME (Argentina) • Nacional de Montevideu 24
66ª 1970 • Luis ARTIME (Argentina) • Nacional de Montevideu 21
67ª 1971 • Luis ARTIME (Argentina) • Nacional de Montevideu 16
68ª 1972 • Juan Carlos MAMELLIi (ARG) • Nacional de Montevideu 20
69ª 1973 • Fernando MORENA Belora • CA Peñarol 23
70ª 1974 • Fernando MORENA Belora • CA Peñarol 27
71ª 1975 • Fernando MORENA Belora • CA Peñarol 34
72ª 1976 • Fernando MORENA Belora • CA Peñarol 18
73ª 1977 • Fernando MORENA Belora • CA Peñarol 19
74ª 1978 • Fernando MORENA Belora • CA Peñarol 36
75ª 1979 • Waldemar VICTORINO Barreto • Nacional de Montevideu 19
76ª 1980 • Jorge Luis SIVIERO • Sud America 19
77ª 1981 • RUBÉN Walter PAZ Márquez • CA Peñarol 17
78ª 1982 • Fernando MORENA Belora • CA Peñarol 17
79ª 1983 • Arsenio LUZARDO • Nacional de Montevideu 13
80ª 1984 • José VILLAREAL • Central Español 18
81ª 1985 • Antonio ALZAMENDI Casas • CA Peñarol 13
82ª 1986 • Juan Ramón CARRASCO
• Gerardo MIRANDA
• Nacional de Montevideu
• CA Defensor
11
11
83ª 1987 • Gerardo MIRANDA • CA Defensor 13
84ª 1988 • RUBÉN Fernando DA SILVA Echeverrito • Danubio FC 23
85ª 1989 • Johnny MIQUEIRO
• DIEGO Vicente AGUIRRE Camblor
• Óscar QUAGLIATA
• CA Progresso
• CA Peñarol
• Huracán Buceo
7
7
7
86ª 1990 • Adolfo BARÁN • CA Peñarol 13
87ª 1991 • JÚLIO César Dely VALDÉS (PAN) • Nacional de Montevideu 16
88ª 1992 • JÚLIO César Dely VALDÉS (PAN) • Nacional de Montevideu 13
89ª 1993 • Wilmar CABRERA • Huracán Buceo 12
90ª 1994 • DARÍO Debray SILVA Pereira • CA Peñarol 19
91ª 1995 • Juan GONZÁLEZ • Nacional de Montevideu 16
92ª 1996 • Juan GONZÁLEZ • Nacional de Montevideu 13
93ª 1997 • Pablo José BENGOECHEA Dutra • CA Peñarol 10
94ª 1998 • Jorge MARTÍN RODRÍGUEZ Alba
• RUBÉN SOSA Ardaiz
• CA River Plate
• Nacional de Montevideu
13
13
95ª 1999 • Gabriel ÁLVEZ • Nacional de Montevideu 24
96ª 2000 • Ernesto JAVIER CHEVANTÓN Espinosa • Danubio FC 33
97ª 2001 • Eliomar Marcón (Brasil) • Defensor Sporting 21
98ª 2002 • Germán HORNOS • CA Fênix 25
99ª 2003 • ALEXANDER Jesús MEDINA Reobasco • Liverpool FC 22
100ª 2004 • ALEXANDER Jesús MEDINA Reobasco
• CARLOS Heber BUENO Suárez
• Nacional Montevideu
• CA Peñarol
26
26
101ª 2005 • PABLO Mariano GRANOCHE Louro • Miramar Misiones 16
Temporada
Ed Ano Artilheiro Time Gols
102ª 2005-06 • Pedro CARDOSO • Rocha FC 17
103ª 2006-07 • Aldo DÍAZ • Tacuarembó FC
104ª 2007-08 • Christian STUANI
• RICHARD Aníbal PORTA Candelaresi (AUS)
• Danubio FC
• CA River Plate
19
19
105ª 2008-09 • Antonio PACHECO D’Agosti
• Liber QUIÑONES
• CA Peñarol
• Racing de Montebideu
12
12
106ª 2009-10 • Antonio PACHECO D’Agosti • CA Peñarol 23
107ª 2010-11 • Santiago Damián GARCÍA • Nacional de Montevideu 23
108ª 2011-12 • RICHARD Aníbal PORTA Candelaresi (AUS) • Nacional de Montevideu 17
109ª 2012-13 • Juan Manuel OLIVERA • CA Peñarol 18
110ª 2013-14 • Héctor ACUÑA • CA Cerro 20

Sulamerucano Sub 20

.:: Campeonato Sulamericano Sub ’20 ::.
O Campeonato Sul-Americano Sub-20 é um torneio de futebol organizado pela Confederação Sul-Americana de Futebol (CONMEBOL) para seleções nacionais com jogadores até 20 anos de idade.
História: A primeira edição ocorreu na Venezuela em 1954. A partir da edição de 1977, também na Venezuela, o torneio passou a classificar as melhores seleções para o Campeonato Mundial Sub-20 da FIFA, criado naquele ano. Inicialmente para jogadores com até 19 anos, o limite foi mantido até o 13º campeonato, disputado na Colômbia em 1987. Desde a 14ª edição, no ano seguinte, quando o torneio aconteceu na Argentina pela primeira vez, o limite de idade foi elevado a 20. Esta mudança foi feita para adequar-se ao limite de idade do campeonato mundial. As três últimas edições foram vencidas pelo Brasil, em 2007, 2009 e 2011.
FÓRMULA DE DISPUTA: Elas são separadas em dois grupos de cinco, e cada equipe joga quatro partidas numa fase todos-contra-todos. As três melhores equipes avançam a um grupo final de seis, no qual cada equipe joga cinco partidas. Os resultados nesta última fase todos-contra-todos determinam o campeão e os classificados para o próximo Campeonato Mundial Sub-20. Diferente da maioria dos torneios internacionais, no Campeonato Sul-Americano Sub-20 não há partida final ou partida de terceiro lugar ou fases de eliminação direta. Fonte: http://pt.wikipedia.org/

.:: Galeria de Campeões ::.
Campeonato Sulamericano Sub 20′ – Juventud de la America
Ed Ano Sede Campeão Vice 3º Lugar 4º Lugar T
1954 Venezuela Uruguai Brasil Venezuela Peru 9
1958 Chile Uruguai Argentina Brasil Peru 6
1964 Colômbia Uruguai Paraguai Colômbia Chile 7
1967 Paraguai Argentina Paraguai Brasil Peru 9
1971 Paraguai Paraguai Uruguai Argentina Peru 9
1974 Chile Brasil Uruguai Paraguai Argentina 9
1975 Peru Uruguai Chile Argentina Peru 6
1977 Venezuela Uruguai Brasil Paraguai Chile 9
1979 Uruguai Uruguai Argentina Paraguai Brasil 9
10ª 1981 Equador Uruguai Brasil Paraguai Bolivia 9
11ª 1983 Bolívia Brasil Uruguai Argentina Bolivia 10
12ª 1985 Paraguai Brasil Paraguai Colômbia Uruguai 10
13ª 1987 Colômbia Colômbia Brasil Argentina Uruguai 9
14ª 1988 Argentina Brasil Colômbia Argentina Paraguai 11
15ª 1991 Venezuela Brasil Argentina Uruguai Paraguai 10
16ª 1992 Colômbia Brasil Uruguai Colômbia Equador 9
17ª 1995 Bolívia Brasil Argentina Chile Equador 9
18ª 1997 Chile Argentina Brasil Paraguai Uruguai 10
19ª 1999 Argentina Argentina Uruguai Brasil Paraguai 10
20ª 2001 Equador Brasil Argentina Paraguai Chile 10
21ª 2003 Urugui Argentina Brasil Paraguai Colômbia 10
22ª 2005 Colômbia Colômbia Brasil Argentina Chile 10
23ª 2007 Paraguai Brasil Argentina Uruguai Chile 10
24ª 2009 Venezuela Brasil Paraguai Uruguai Venezuela 10
25ª 2011 Peru Brasil Uruguai Argentina Equador 10
26ª 2013 Argentina Colômbia Paraguai Uruguai Chile 10
# De 1954 à 1985 o torneio era disputado por jogadores com idade máxima de 19 anos;
# A partir 1987 o torneio passou a ser disputado com jogadores até 20 anos de idade;
# A partir de 1977, o torneio passou a classificar as melhores seleções para o Campeonato Mundial Sub-20 da FIFA,
# em 1988 o torneio contou com a participação da seleção sub 20′ de Israel;
# em 1992 a Argentina foi impedida de participar pela FIFA como punição por seu comportamento no torneio de 1991.
.:: Os Maiores Campeões ::.
Os Maiores Vencedores do Competição
Seleção Títulos Vices
1 • Brasil (11) 1974, 1983, 1985, 1988, 1991, 1992, 1995, 2001, 2007, 2009, 2011 6
2 • Uruguai (7) 1954, 1958, 1964, 1975, 1977, 1979, 1981 6
3 • Argentina (4) 1967, 1997, 1999, 2003 6
4 • Colômbia (3) 1987, 2005, 2013 1
5 • Paraguai (1) 1971 4
.:: Galeria dos Artilheiros ::.
Campeonato Sulamericano Sub 20′ – CONMEBOL
Ed Ano País Sede Artilheiro Seleção Gols
1954 • Venezuela • Juan B. AGÜERO (Paraguai) 7
1958 • Chile • Norberto RAFFO (Argentina) 5
1964 • Colômbia • Jaime BRAVO (Chile) 5
1967 • Paraguai • Sem Registro Sem Registro
1971 • Paraguai • Ricardo ISLAS
• Cristóbal MALDONADO
(Uruguai)
(Paraguai)
4
4
1974 • Chile • Hebert REVETRIA (Uruguai) 8
1975 • Peru • Hebert REVETRIA
• Toninho
(Uruguai)
(Brasil)
4
4
1977 • Venezuela • Amaro NADAL
• Guina
(Uruguai)
(Brasil)
4
4
1979 • Uruguai • Arsenio LUZARDO (Uruguai) 4
10ª 1981 • Equador • Enzo FRANCESCOLI
• Lela
(Uruguai)
(Brasil)
5
5
11ª 1983 • Bolívia • Carlos AGUILERA (Uruguai) 7
12ª 1985 • Paraguai • ROMÁRIO de Souza Faria (Brasil) 5
13ª 1987 • Colômbia • Alejandro RUSSO (Argentina) 4
14ª 1988 • Argentina • Roberto de ASSIS Moreira
• Ferreira
(Brasil)
(Paraguai)
5
5
15ª 1991 • Venezuela • Juan RANAIDER • (Argentina) 7
16ª 1992 • Colômbia • Fernando CORREA (Uruguai) 5
17ª 1995 • Bolívia • Leonardo BLAGINI (Argentina) 4
18ª 1997 • Chile • ADAÍLTON Martins Bolzan (Brasil) 8
19ª 1999 • Argentina • Luciano Martín GALLETTI (Argentina) 9
20ª 2001 • Equador • ADRIANO Leite Ribeiro “Imperador”
• Ewerthon
(Brasil)
(Brasil)
6
6
21ª 2003 • Uruguai • Fernando Ezequiel CAVENAGHI (Argentina) 8
22ª 2005 • Colômbia • HUGO Andres RODALLEGA Camacho (Colômbia) 11
23ª 2007 • Paraguai • EDINSON Roberto CAVANI Gómez (Argentina) 7
24ª 2009 • Venezuela • WÁLTER Henrique da Silva
• Abel Mathías HERNÁNDEZ Platero
• Hernán PÉREZ
• Robin RAMÍREZ
(Brasil)
(Uruguai)
(Paraguai)
(Paraguai)
5
5
5
5
25ª 2011 • Peru • NEYMAR da Silva Santos Júnior (Brasil) 9
26ª 2013 • Uruguai • Em Andamento Indefinido

Copa Intercontinental

.:: Copa Intercontinental ::.

Copa Intercontinental Flamengo, Campeão de 1981 Copa Toyota
A Copa Europeia/Sul-Americana (nome oficial) também conhecida como Copa Intercontinental ou a partir de 1980, Copa Toyota ou Taça Toyota, foi um torneio de futebol que confrontava anualmente os campeões da Europa (Liga dos Campeões da Europa) e América do Sul (Copa Libertadores da América).
A Copa Europeia Sul-Americana não é endossada como mundial pela FIFA, mas é endossada como intercontinental europeu/sul-americano por UEFA e CONMEBOL. A UEFA e a CONMEBOL são as entidades do futebol respectivamente de Europa e América do Sul, possuindo jurisdição sobre o futebol em suas respectivas áreas, porém não possuem, nem mesmo juntas, jurisdição sobre o futebol em escala mundial. Apenas a FIFA possui jurisdição sobre o futebol em escala mundial, portanto cabendo apenas à FIFA a prerrogativa de legitimar competições em escala mundial.
De 1960 até 1979, os duelos eram disputados nos países dos respectivos campeões continentais, e de 1980 até 2004, a competição foi disputada em uma única partida realizada no Japão e organizada pela Toyota.[11][12][13] Em 2005, a Copa Intercontinental foi extinta, cedendo lugar à Copa do Mundo de Clubes da FIFA, cuja primeira edição foi em 2000. Fonte: http://www.wikipedia.org/ 😉

.:: Os Campeões ::.
Mundial Interclubes – Copa Toyota
Ano Campeão Resultados Vice
2004 FC Porto (Portugal) 0 x 0 (8 x 7) CD Once Caldas (Colômbia)
2003 CA Boca Juniors (Argentina) 1 x 1 (3 x 1) AC Milan (Itália)
2002 CF Real Madrid (Espanha) 2 x 0 Club Olimpia (Paraguai)
2001 Bayern München (Alemanha) 1 x 0 CA Boca Juniors (Argentina)
2000 CA Boca Juniors (Argentina) 2 x 1 CF Real Madrid (Espanha)
1999 Manchester United (Inglaterra) 1 x 0 SE Palmeieas (Brasil)
1998 CF Real Madrid (Espanha) 2 x 1 Vasco da Gama (Basil)
1997 Borussia Dortmund (Alemanha) 2 x 0 Cruzeiro (Brasil)
1996 Juventus FC (Itália) 1 x 0 CA River Plate (Argentina)
1995 Ajax Amsterdam (Holanda) 0 x 0 (4 x 3) Grêmio FBPA (Brasil)
1994 Vélez Sársfield (Argentina) 2 x 0 AC Milan (Itália)
1993 São Paulo (Brasil) 3 x 2 AC Milan (Itália)
1092 São Paulo (Brasil) 2 x 1 FC Barcelona (Espanha)
1991 Estrela Vermelha (Iugoslávia) 3 x 0 CSyD Colo-Colo (Chile)
1990 AC Milan (Itália) 3 x 0 Club Olimpia (Paraguai)
1989 AC Milan (Itália) 1 x 0 Atlético Nacional (Colômbia)
1988 Nacional (Uruguai) 2 x 2 (7 x 6) PSV Eindhoven (Holanda)
1987 FC Porto (Portugal) 2 x 1 CA Peñarol (Uruguai)
1986 CA River Plate (Argentina) 1 x 0 Steaua București (Romênia)
1985 Juventus FC (Itália) 2 x 2 (4 x 2) Argentinos Jrs (Argentina)
1984 CA Independiente (Argentina) 1 x 0 FC Liverpool (Inglaterra)
1983 Grêmio FBPA (Brasil) 2 x 1 Hamburgo SV (Alrmanha Oc.)
1982 CA Peñarol (Uruguai) 2 x 0 FC Aaton Villa (Inglaterra)
1981 CR Flamengo (Brasil) 3 x 0 FC Liverpool (Inglaterra)
1980 Nacional (Uruguai) 1 x 0 Nottingham Forest (Inglaterra)
Mundial Interclubes – Copa Intercontinental
Ano Campeão Resultados Vice
1979 Club Olimpia (Paraguai) 1 x 0 e 2 x 1 Malmö FF (Suécia)
1978 Liverpool (ING) e Boca Juniors (ARG) desistiram de jogar
1977 CA Boca Juniors (Argentina) 2 x 2 e 3 x 0 Borussia M’Bbach (Alemanha Oc)
1976 Bayern München (Alemanha Oc) 2 x 0 e 0 x 0 Cruzeiro/MG (Brasil)
1975 Bayern de Munique (ALE Oc) e Independiente (ARG) desistiram de jogar
1974 Atlético de Madrid (Espanha) 0 x 1 e 2 x 0 CA Independiente (Argentina)
1973 CA Independiente (Argentina) 1 x 0 Juventus FC (Itália)
1972 Ajax Amsterdam (Holanda) 1 x 1 e 3 x 0 CA Independiente (Argentina)
1971 Nacional (Uruguai) 1 x 1 e 2 x 1 Panathinaikos (Grécia)
1970 Feyenoord (Holanda) 2 x 2 e 1 x 0 Estudiantes LP (Argentina)
1969 AC Milan (Itália) 3 x 0 e 1 x 2 Estudiantes LP (Argentina)
1968 Estudiantes LP (Argentina) 1 x 1 e 1 x 0 Manchester Untd (Inglaterra)
1967 Racing de Avellaneda (Argentina) 0 x 1; 2 x 1; 1 x 0 Celtic FC (Escócia)
1966 CA Peñarol (Uruguai) 2 x 0 e 2 x 0 CF Real Madrid (Espanha)
1965 FC Internazionale (Itália) 3 x 0 e 0 x 0 CA Independiente (Argentina)
1964 FC Internazionale (Itália) 0 x 1; 2 x 0; 1 x 0 CA Independiente (Argentina)
1963 Santos (Brasil) 2 x 4; 4 x 2; 1 x 0 AC Milan (Itália)
1962 Santos (Brasil) 3 x 2 e 5 x 2 SL Benfica (Portugal)
1961 Peñarol (Uruguai) 0 x 1; 5 x 0; 2 x 1 SL Benfica (Portugal)
1960 CF Real Madrid (Espanha) 0 x 0 e 5 x 1 CA Peñarol (Uruguai)
# A Copa Intercontinental era chancelada pela UEFA e Conmebol, a partir de 1980, passou a ser organizada, também, pela Federação Japonesa de Futebol.
# em 1971 o Ajax de Amsterdam desistiu de participar e foi substituído pelo Panathinaikos;
# em 1973 o Ajax de Amsterdam desistiu de participar e foi substituído pelo Juventus;
# em 1974 o Bayern de Munique desistiu de participar e foi substituído pelo Atlético de Madrid;
# em 1978 o Liverpool desistiu de participar e foi substituído pelo Borussia M’gladbach;
# em 1979 o Nottingham Forest desistiu de participar e foi substituído pelo Malmö;
# em 1975 e 1978 não houve a disputa da fibal por falta de datas para as partidas;
# em 1974 o torneio foi decidido em apenas um jogo realizado no Estádio Olímpico de Roma;
# em 1961, 1963, 1964 e 1967 o torneio foi decidido em um Jogo-Extra.
# em 1985, 1988, 1995, 2003 e 2004 o tormeio foi decidido nas penalidades. 😉

.:: Principais Campeões ::.
Os Principais Campeões por Clubes
Time Cidade País Taças Vices
• Associazione Calcio Milan • Milão • Itália 3 4
• Real Madrid Club de Fútbol • Madrid • Espanha 3 2
• Club Atlético Boca Juniors • Buenos Aires • Argentina 3 1
• Club Atlético Peñarol • Montevideu • Uruguai 3 2
• Club Nacional de Football • Montevideu • Uruguai 3
• Santos Futebol Clube • Santos/SP • Brasil 2
• Football Club Internazionale Milano • Milão • Itália 2
• Club Atlético Independiente • Avellaneda • Argentina 2 4
• São Paulo Futebol Clube • São Paulo/SP • Brasil 2
• Amsterdamsche Football Club Ajax • Amsterdam • Holanda 2
• Juventus Football Club • Turim • Itália 2 1
• Fussball-Club Bayern München • Munique • Alemanha 2
• Futebol Clube do Porto • Porto • Portugal 2
• Racing Club de Avellaneda • Avellaneda • Argentina 1
• Club Estudiantes de La Plata • La Plata • Argentina 1 2
• Feyenoord Rotterdam • Rotterdam • Holanda 1
• Club Atlético de Madrid • Madrid • Espanha 1
• Club Olimpia • Assunção • Paraguai 1 2
• Clube de Regatas do Flamengo • Rio de Janeiro/RJ • Brasil 1
• Grêmio Foot-Ball Porto Alegrense • Porto Alegre • Brasil 1 1
• Club Atlético River Plate • Buenos Aires • Argentina 1 1
• Fudbalski Klub Crvena Zvezda Beograd • Belgrado • Iugoslávia 1
• Club Atlético Vélez Sarsfield • Buenos Aires • Argentina 1
• Ballspielverein Borussia Dortmund • Dortmund • Alemanha 1
• Manchester United Football Club • Manchester • Inglaterra 1
# O Fudbalski Klub Crvena Zvezda Beogrado é conhecido como Estrela Verrmelha.

😉

.:: Melhor Jogador ::.
Os Melhores Jogadores do Mundial Interclubes – Copa Toyota
Ano Melhor Jogador Time
2004 • Nuno Ricardo de Oliveira Ribeiro “MANICHE” • FC Porto (Portugal)
2003 • Matías DONNET (Argentina) • CA Boca Juniors (Argentina)
2002 • RONALDO Luís Nazário de Lima (Brasil) • CF Real Madrid (Espanha)
2001 • Samuel Osei KUFFOUR (Gana) • Bayern München (Alemanha)
2000 • Martín PALERMO (Argentina) • CA Boca Juniors (Argentina)
1999 • Ryan Joseph GIGGS (Gales) • Manchester United (Inglaterra)
1998 • RAÚL González Blanco (Espanha) • CF Real Madrid (Espanha)
1997 • Andreas MÖLLER (Alemanha) • Borussia Dortmund (Alemanha)
1996 • Alessandro DEL PIERO (Itália) • Juventus FC (Itália)
1995 • Dirk Franciscus BLIND (Holanda) • Ajax Amsterdam (Holanda)
1994 • Omar Andrés ASAD (Argentina) • Vélez Sársfield (Argentina)
1993 • Antônio Carlos “TONINHO” CEREZO (Brasil) • São Paulo (Brasil)
1092 • RAÍ Souza Vieira de Oliveira (Brasil) • São Paulo (Brasil)
1991 • Vladimir Jugović (Iugoslávia) • Estrela Vermelha (Iugoslávia)
1990 • Franklin “FRANK” Edmundo RIJKAARD (Holanda) • AC Milan (Itália)
1989 • Alberigo EVANI (Itália) • AC Milan (Itália)
1988 • Santiago José OSTOLAZA Sosa (Uruguai) • Nacional de Montevideu (Uruguai)
1987 • Rabah Madjer (Argélia) • FC Porto (Portugal)
1986 • Antonio ALZAMENDI Casas (Uruguai) • CA River Plate (Argentina)
1985 • Michel François PLATINI (França) • Juventus FC (Itália)
1984 • José Alberto PERCUDANI (Argentina) • CA Independiente (Argentina)
1983 • RENATO Portaluppi “GAÚCHO” (Brasil) • Grêmio FBPA (Brasil)
1982 • JAIR Gonçalves Prates (Brasil) • CA Peñarol (Uruguai)
1981 • Arthur Antunes Coimbra “ZICO” (Brasil) • CR Flamengo (Brasil)
1980 • Waldemar ViICTORINO Barreto (Uruguai) • Nacional de Montevideu (Uruguai)
# A partir de 1980, quando o torneio passou a ser disputado em um jogo único no Japão, o Melhor Jogador da final ganhava um carro Toyota, zerinho, que era o patrocinador do torneio.
Os Brasileiros Eleitos Melhores Jogadores do Mundial Interclubes
1981 1982 1983 1992 1993 2004
Zico Jair Renato Cerezo Raí Ronaldo

Copa Merconorte

.:: Copa Merconorte ::.

A Copa Merconorte foi criada em 1998 pela Confederação Sul-Americana (CONMEBOL), servia de alternativa para os clubes dos países da América do Sul que não participavam da Copa Mercosul.
Foi disputada em quatro anos e acabou na mesma temporada da copa rival. Contava com a presença de equipes da Colômbia (que dominou por completo o torneio, já que seus clubes venceram todas as edições), do Equador, do Peru, da Bolívia e da Venezuela. Participaram também equipes convidadas dos Estados Unidos e do México (pela América do Norte) e da Costa Rica (pela América Central).. Fonte: http://www.wikipedia.org/ 🙂

Os Campeões
Os Campeões da Copa Conmebol
Ano Campeão Vice-Campeão Semifinalistas
2001 Atletico Nacional (COL) Deportivo Cali (COL) El Nacional (EQU) Millonarios (COL)
2000 América de Cali (COL) Santa Fé (COL) Alianza Lima (PER) Caracas FC (VEN)
1999 Atlético Nacional (COL) Millonarios (COL) Guadalajara (MEX) Emelec (EQU)
1998 Millonarios (COL) Emelec (EQU) Santos Laguna (MEX) Necaxa (MEX)
# O Club Deportivo Guadalajara é mais conhecido como Chivas Guadalajara.
# O Santa Fé Corporación Deportiva é conhecido, também, como Independiente de Santa Fé.

😉

.:: Principais Campeões ::.
Os Principais Campeões por Clubes
Time Cidade País Taças Vices
• Corporación Deportiva Club Atlético Nacional • Medellín • Colômbia 2 0
• Corporación Deportiva América • Cali • Colômbia 1 0
• Club Deportivo Los Millonarios • Bogotá • Colômbia 1 1
• Asociación Deportivo Cali • Cali • Colômbia 0 1
• Santa Fe Corporación Deportiva • Bogotá • Colômbia 0 1
• Club Sport Emelec • Guayaquil • Equador 0 1
# A Colômbia venceu todas as edições da competição.

😉

.:: Artilheiros ::.
Os Principais Artilheiros
Ano Artilheiro (País) Clube (País) Gols
2001 • Otelino George TENORIO Bastidas (EQU) • Emelec (Equador) 7
2000 • León Darío MUÑOZ Hernández (COL) • Atlético Nacional (Colômbia) 6
1999 • Juan GARCÍA Rivas (VEN) • Caracas (Venezuela) 6
1998 • Carlos Alberto JUÁREZ (ARG) • Emelec (Equador) 4
• Héctor FERRI (EQU) • El Nacional (Equador) 4
• Héctor Hugo HURTADO SalazarM (COL) • América de Cali (Colômbia) 4
• Néider MORANRES (COL) • Atlético Nacional (Colômbia) 4
• Rafael Ernesto CASTELLÍN García (VEN) • Caracas (Venezuela) 4

.:: Finais ::.
Todas as Finais Jogo-a-Jogo
Data Estádio Cidade Final da Copa Merconorte de 2001
13/12/2001 Nemésio Camacho Bogotá Millonarios 1 x 1 Emelec
20/12/2001 George Capwell Guayaquil Emelec 1 x 1 Millonarios
Data Estádio Cidade Final da Copa Merconorte de 2000
02/12/2000 Nemésio Camacho Bogotá Millonarios 0 x 0 Atl. Nacional
09/12/2000 Atanasio Girardot Medellín Atl. Nacional 2 x 1 Millonarios
Data Estádio Cidade Final da Copa Merconorte de 1999
15/12/1999 Pascual Guerrero Cali America de Cali 1 x 2 Santa Fé
22/12/1999 Nemésio Camacho Bogotá Santa Fé 0 x 1 America de Cali
Data Estádio Cidade Final da Copa Merconorte de 1998
03/12/1998 Atanasio Girardot Medellín Atl. Nacional 3 x 1 Deportivo Cali
09/12/1998 Pascual Guerrero Cali Deportivo Cali 0 x 1 Atl. Nacional
# Em 1999 o América de Cali venceu o Santa Fé nas penalidades por 5-3.
# Em 2001 o Millonarios venceu o Emelec nas penalidades por 3-1.

Copa Mercosul

.:: Copa Mercosul::.

A Copa Mercosul foi uma competição oficial da Conmebol disputada entre os anos de 1998 e 2001 por clubes do Brasil, Argentina, Uruguai, Paraguai e Chile. Foi substituída pela Copa Sul-Americana em 2002.
Forma de Disputa: 20 times jogavam no torneio. Os times eram divididos em 5 grupo de 4 times cada. As partidas eram realizadas em turno e returno. Os vencedores de grupo e os 3 melhores segundos colocados classificavam-se para as quartas-de-final. As quartas-de-final e as semifinais eram jogados em ida-e-volta. De 1998 à 2000 as finais foram disputadas em três partidas. Em 1999 e 2001 as finais foram disputadas em 3 partidas. Fonte: http://www.wikipedia.org/ 🙂

Os Campeões
Os Campeões da Copa Conmebol
Ano Campeão Vice-Campeão Semifinalistas
2001 San Lorenzo (ARG) Flamengo/RJ (BRA) Corinthians/SP (BRA) Grêmio/RS (BRA)
2000 Vasco/RJ (BRA) Palmeiras/SP (BRA) River Plate (ARG) Atlético/MG (BRA)
1999 Flamengo/RJ (BRA) Palmeiras/SP (BRA) Peñarol (URU) San Lorenzo (ARG)
1998 Palmeiras/SP (BRA) Cruzeiro/MG (BRA) Olimpia (PAR) San Lorenzo (ARG)
# em 1998, 1999 e 2000 o torneio foi decidido numa melhor de 3 jogos,
# em 2001 o torneio foi decidido numa melhor de duas partidas.

😉

.:: Principais Campeões ::.
Os Principais Campeões por Clubes
Time Cidade País Taças Vices
• Clube de Regatas do Flamengo • Rio de Janeiro/RJ • Brasil 1 1
• Clube de Regatas Vasco da Gama • Rio de Janeiro/RJ • Brasil 1 0
• Sociedade Esportiva Palmeiras • São Paulo/SP • Brasil 1 2
• Club Atlético San Lorenzo de Almagro • Buenos Aires • Argentina 1 0
# O Brasil é o maior ganhador da competição com 3 conquistas em 4 edições.

😉

.:: Artilheiros ::.
Os Principais Artilheiros
Ano Artilheiro (País) Clube (País) Gols
2001 • Bernardo Romeo (Argentina) • San Lorenzo (Argentina) 10
2000 • ROMÁRIO de Souza Faria • Vasco/RJ (Brasil) 11
1999 • ROMÁRIO de Souza Faria • Flamengo/RJ (Brasil) 8
1998 • FÁBIO JÚNIOR Pereira • Cruzeiro/MG (Brasil) 5
• Alexsandro de Souza ‘ALEX’ • Palmeiras/SP (Brasil) 5

.:: Finais ::.
Todas as Finais Jogo-a-Jogo
Data Estádio Cidade Final da Copa Mercosul de 2001
12/12/2001 Maracanã Rio de Janeiro Flamengo/RJ 0 x 0 San Lorenzo
24/01/2002 Pedro Bidagain Buenos Aires San Lorenzo 1 x 1 Flamengo/RJ
Data Estádio Cidade Final da Copa Mercosul de 2000
06/12/2000 São Januário Rio de Janeiro/RJ Vasco/RJ 2 x 0 Palmeiras/SP
12/12/2000 Palestra Itália São Paulo/SP Palmeiras/SP 1 x 0 Vasco/RJ
20/12/2000 Palestra Itália São Paulo/SP Palmeiras/SP 3 x 4 Vasco/RJ
Data Estádio Cidade Final da Copa Mercosul de 1999
16/12/1999 Maracaná Rio de Janeiro/RJ Flamengo/RJ 4 x 3 Palmeiras/SP
20/12/1999 Palestra Itália São Paulo/SP Palmeiras/SP 3 x 3 Flamengo/RJ
Data Estádio Cidade Final da Copa Mercosul de 1998
16/12/1998 Mineirão Belo Horizonre/MG Cruzeiro/MG 2 x 1 Palmeiras/SP
26/12/1998 Palestra Itália São Paulo/SP Palmeiras/SP 3 x 1 Cruzeiro/MG
29/12/1998 Palestra Itália São Paulo/SP Palmeiras/SP 1 x 0 Cruzeiro/MG
# no torneio de 2001 o San Lorenzo venceu o Flamengo nas penalidades por 4-3.
# Em 2001 o jogo de volta estava marcado para 9 de dezembre, mas, por causa dos graves incidentes provocados pela crise Argentina de 2001 o jogo foi remarcado para janeiro do ano seguinte,
# Assisti todas as finais.

Copa Conmebol

.:: Copa Conmebol ::.

A Copa Conmebol ou Taça Conmebol, disputada de 1992 a 1999, era uma competição sul-americana oficial de futebol, que envolvia vários clubes do continente bem classificados nos seus respectivos campeonatos nacionais e não se classificaram para a Copa Libertadores da América, além de clubes definidos por outros critérios.
A classificação para a competição era similar a Copa da UEFA, no caso de países considerados ‘grandes’ como Brasil e Argentina, os clubes desses países teriam mais vagas.
No caso do Brasil, o vice campeão da Copa do Brasil junto com os clubes obtivessem que uma colocação do 2º ao 4º lugar no campeonato nacional. A partir de 1995, a CBF determinou que os clubes brasileiros não poderiam disputar a Copa Conmebol e a Supercopa Libertadores simultaneamente. Os clubes classificados para a Copa Conmebol e que fossem disputar a Supercopa no mesmo ano seriam substituídos pelos times de maior colocação no Campeonato Brasileiro, posteriormente os clubes que fossem disputar a Copa Mercosul no mesmo ano, também não poderiam disputar a Copa Conmebol.
As confederações dos países participantes também escolhiam times aleatórios para disputar a competição, independente da classificação destes no campeonato nacional, para completar o grupo de times que disputavam o torneio.
Foi a primeira competição Sul Americana que começou a se enquadrar no formato da Copa da UEFA. O torneio não surtiu o efeito esperado pela Conmebol, uma vez que esta competição existia a sombra de dois outros campeonatos na época, A Supercopa da Libertadores, e a Copa Libertadores da América, e isto causava um amplo desinteresse de alguns clubes e de algumas torcidas em relação esta competição.
No último ano de sua edição, em 1999 a Copa Conmebol teve seu critério de classificação alterado. Como a Copa Mercosul havia sido criada em 1998, por convenção de tratado das américas, todos os times classificados para a Conmebol deveriam disputar a Mercosul em 1999, como forma de contemplar o acordo não somente na política como no futebol. Assim ela deixou seus critérios de lado na sua última ediçao, deixando participar somente times de pequena expressão, o que acabou desvalorizando o título nesse último ano. Fonte: http://www.wikipedia.org/ 🙂

Os Campeões
Os Campeões da Copa Conmebol
Ano Campeão 1º J 2º J Vice
1999 CA Talleres (Argentina) 2 x 4 3 x 0 CSA/AL (Brasil)
1998 Santos FC/SP (Brasil) 1 x 0 0 x 0 Rosario Central (Argentina)
1997 Atlético/MG (Brasil) 4 x 1 1 x 1 CA Lanús (Argentina)
1996 CA Lanús (Argentina) 2 x 0 0 x 1 Independiente Sta, Fé (Colômbia)
1995 Rosario Central (Argentina) 0 x 4 4 x 0 Atlético/MG (Brasil)
1994 São Paulo FC/SP (Brasil) 6 x 1 0 x 3 CA Peñarol (Uruguai)
1993 Botafogo FR/RJ (Brasil) 1 x 1 2 x 2 CA Peñarol (Uruguai)
1992 Atlético/MG (Brasil) 2 x 0 0 x 1 Club Olimpia (Paraguai)
# no torneio de 1993 o Botafogo venceu o Peñatol nas penalidades por 3-1;
# no torneio de 1995 o Rosário Central venceu o Atlético/MG nas penalidades por 4-3.

😉

.:: Principais Campeões ::.
Os Principais Campeões por Clubes
Time Cidade País Taças Vices
• Clube Atlético Mineiro • Belo Horizonte/MG • Brasil 2 1
• Botafogo de Futebol e Regatas • Rio de Janeiro/RJ • Brasil 1 0
• Santos Futebol Clube • Santos/SP • Brasil 1 0
• São Paulo Futebol Clube • São Paulo/SP • Brasil 1 0
• Club Atlético Talleres • Córdoba • Argentina 1 0
• Club Atlético Rosario Central • Rosário • Argentina 1 1
• Club Atlético Lanús • Lanús • Argentina 1 1
# O Brasil é o maior ganhador da competição bom 5 conquistas.

😉

.:: Artilheiros ::.
Os Principais Artilheiros
Ano Artilheiro (País) Clube (País) Gols
1999 • Paulo Sérgio Rosa “VIOLA” • Santos/SP (Brasil) 4
• Edmilson do Nascimento “MISSINHO” • CSA/AL (Brasil) 4
• Carlos MARCELO Luis de Souza “ARAXÁ” • São Raimundo/AM (Brasil) 4
1998 • Carlos Morález (Equador) • LDU Quito (Equador) 4
1997 • VALDIR de Morais Filho • Atlético/MG (Brasil) 7
1996 • Carlos Mena (Argentina) • CA Lanús (Argentina) 5
1995 • Horacio Carbonari (Argentina) • Rosario Central (Argentina) 4
• Ruben da Silva (Uruguai) • Rosario Central (Argentina) 4
1994 • Oswaldo Giroldo “JUNINHO PAULISTA” • São Paulo/SP (Brasil) 5
• Pedro Francisco Garcia “TUPÃZINHO” • Corinthians/SP (Brasil) 5
• Martín Rodríguez (Uruguai) • CA Peñarol (Uruguai) 5
1993 • José SINVAL de Campos • Botafogo/RJ (Brasil) 8
1992 • AÍLTON Delfino • Atlético/MG (Brasil) 6

.:: Participantes do Brasil ::.
Participantes do Brasil Ano-a-Ano
Ano Partipante 1 Partipante 2 Partipante 3 Partipante 4 Partipante 5
1992 Atlético/MG Bragantino/SP Fluminense/RJ Grêmio/RS
1993 Atlético/MG BragantinoQSP Botafogo/RJ Fluminense/RJ Vasco/RJ
1994 Botafogo/RJ Corinthians/SP Grêmio/RS São Paulo/SP Vitória/BA
1995 Atlético/MG Ceará/CE Corinthians/SP Guarani/SP
1996 Bragantino/SP Fluminense/RJ Palmeiras/SP Vasco/RJ
1997 Atlético/MG Portuguesa/SP Rio Branco/AC Vitória/BA
1998 América/RN Atlético/MG Sampaio Corrêa/MA Santos/SP
1999 CSA/AL Paraná/PR São Raimundo/AM Vila Nova/GO
# Critérios utilizados para participação na Copa Conmebol:
# 3º colocado do Campeonato Brasileiro: 1991, 1992, 1993, 1994 e 1996
# Vice-Campeão do Campeonato Brasileiro: 1991, 1992, 1993, 1994 e 1996
# 4º colocado do Campeonato Brasileiro: 1991, 1992, 1993, 1994 e 1995
# Vice-Campeão da Copa do Brasil: 1991, 1992, 1993, 1994 e 1998
# Campeão da Copa Conmebol: 1992 e 1993
# 5º colocado do Campeonato Brasileiro: 1995
# 6º colocado do Campeonato Brasileiro: 1995 e 1998
# Semifinalista da Copa do Brasil: 1995
# Campeão da Copa Norte: 1997, 1998 e 1999
# Campeão da Copa do Nordeste: 1997 e 1998
# 4º colocado da Copa do Nordeste: 1999
# Vice-campeão da Copa Sul: 1999
# Vice-campeão da Copa Centro-Oeste: 1999